Educação São Sebastião

Comunidade de Maresias reivindica manutenção de piscina em escola municipal

Fotos: Rafael César

Pais afirmam que tentam buscar soluções para resolver o problema; Crianças dizem sentir falta das aulas de natação

Por Rafael César, de São Sebastião

A Escola Municipal Edileusa Brasil Soares de Sousa, localizada no bairro de Maresias, em São Sebastião, vem sendo alvo de críticas dos pais de alunos devido a problemas na piscina, que não está em funcionamento desde o início das aulas.

A unidade escolar utiliza o equipamento esportivo para as aulas de natação na disciplina de educação física. Fora de operação, os pais já se reuniram para buscar uma solução do impasse e não conseguiram resolver até o momento.

“Buscamos falar com a diretoria e com professores, mas não adiantou. Falamos com a regional e não resolveu. Chegamos a fazer uma escala entre os pais para ficarem responsáveis pela limpeza do local, mas isso não foi autorizado também. Queremos que nossos filhos utilizem este espaço e não ver a dengue tomar conta dele”, reclamou a doméstica, Gerusa Angélica dos Santos, 39.

Gerusa tem dois filhos na escola – uma de seis anos e outro de dez -, que poderiam estar aprendendo a nadar ou praticando várias atividades esportivas na piscina. Além disso, ela conta que um dos filhos recebeu indicação médica para fazer natação e amenizar as crises de bronquite.

O pequeno Daniel Marques Alves, 10, teve dois anos de aulas na piscina e sente muita falta de utilizar o espaço. “É muito chato não poder usar essa piscina. Tenho esperança de um dia ter mais aulas”, disse.

Já Yuri de Moraes Campos, 10, que também é aluno da escola, vê o espaço como uma oportunidade de melhorar o desempenho na futura profissão. O garoto nunca teve uma aula de natação na piscina e espera que, em breve, possa ter mais um espaço para aperfeiçoar as técnicas de surfe.

Uma professora, que não quis se identificar, acha que o espaço faz uma falta para toda a comunidade e também para variar a dinâmica das aulas dos educadores que desejam utilizar o local. Ela relata que todo dia um aluno pergunta se haverá aulas de natação novamente.

Outro lado – A Prefeitura de São Sebastião foi procurada pela redação do Portal Tamoios News para comentar o assunto, mas não se manifestou até o fechamento da reportagem.

Deixe um Comentário