Notícias São Sebastião

Supermercados respondem após ações de vistorias da Vigilância Sanitária

Foto: Luciano Vieira/PMSS.

Por Ivânio de Abreu

Os supermercados de São Sebastião que receberam vistorias da Vigilância Sanitária se manifestaram após a ação ocorridos entre os dias 10 e 14 deste mês. A reportagem procurou as empresas Pão de Açúcar, Shibata e Semar para apresentarem as suas versões.

O Grupo Pão de Açúcar (GPA) se mostrou disposto a cooperar e afirma que a unidade no Centro de São Sebastião descartou imediatamente os produtos apontados pelo órgão. Segundo sua assessoria de imprensa, “a loja conta com rigorosos processos de controle de qualidade e informa que o fato apontado não condiz com o padrão adotado pela rede”.

Já a assessoria de imprensa do Grupo Shibata interpretou a ação da Prefeitura como uma “visita de rotina” e destacou que nenhum problema foi constatado. Segundo ele, os fiscais teriam feito apenas recomendações para o melhor acondicionamento dos produtos.

A equipe dos Supermercados Semar foi a única que não quis apresentar o seu parecer sobre a ação e os mantimentos recolhidos, até a publicação da matéria.

Foto: Arnaldo Klajn/PMSS. Vigilância Sanitária durante vistoria no supermercado Semar


Vistoria –
A Vigilância Sanitária realizou ações de vistorias nos supermercados da região central do município, onde os fiscais encontraram no supermercado Semar produtos deteriorados, vencidos e geladeiras com a temperatura fora dos padrões para o acondicionamento correto de perecíveis e não perecíveis.

Nos outros dois estabelecimentos as equipes vistoriaram os prazos de validade e acondicionamento correto de perecíveis e não perecíveis. Um foi autuado e o outro notificado para efetuar algumas adequações.

O Pão de Açúcar foi autuado após apontamentos da Vigilância Sanitária em relação às geladeiras e freezers, que não estavam mantendo a temperatura adequada para a conservação dos alimentos armazenados. Como prevê a legislação, foram descartados cerca de 550 itens entre massas, conservas, peixes, pizzas e produtos congelados.

De acordo com a diretora da Vigilância em Saúde, Fernanda Paluri, a má conservação dos alimentos danifica e compromete a qualidade e pode causar um risco à saúde da população. “Os produtos foram descartados por problemas relacionados às condições inadequadas de armazenamento”, explicou.

Aos fiscais, o gerente da loja informou que o local passou por um balanço de estoque na noite anterior e que por conta disso as geladeiras não teriam chegado à temperatura ideal para a conservação dos alimentos.

No Shibata, os técnicos fizeram uma notificação para adequação a alguns detalhes tendo em vista que o estoque e a forma de armazenamento dos produtos estão sendo feitas de maneira correta e adequada. “A notificação serve para o supermercado ficar atento aos prazos de validade e se adequarem a pequenos detalhes que observamos”, frisou.

Em menos de uma semana foram realizadas três vistorias nos supermercados da região central da cidade. De acordo com o setor de fiscalização aos comércios, serão realizadas visitas a outros estabelecimentos de Costa Norte à Costa Sul.

foto: Luciano Vieira/PMSS. Ação de vistoria da Vigilância Sanitária supermercado Shibata

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.