Mundo

Centro de Saúde de São Sebastião inicia emissão de documento exigido para entrada em alguns países

Divulgação
Divulgação

O viajante deve estar atento aos países que exigem o certificado

Saiba como obter o Certificado Internacional de Vacinação

 

Quem pretende viajar para o exterior, deve ficar atento aos países que exigem o Certificado Internacional de Vacinação (CIVP), documento que comprova a vacinação contra a febre amarela e outras doenças. Desde o último dia 8 de abril, o Centro de Saúde de São Sebastião passou a emitir o documento cuja possibilidade de exigência é prevista no Regulamento Sanitário Internacional (RSI). Já, a lista dos países que pedem o certificado pode ser conferida na internet no site da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Para obter o certificado, é preciso seguir algumas orientações como tomar a vacina exigida contra a febre amarela, válida por 10 anos e que deve ser aplicada, no  mínimo, 10 dias antes da viagem. Em São Sebastião, essa vacinação é feita no Centro de Saúde localizado à Rua Capitão Luis Soares, 1.950, centro da cidade, de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h.

Depois de receber a vacina, é preciso realizar o pré -cadastro no Sispafra, no endereço www.anvisa.gov.br/viajante clicando na opção “cadastrar novo” ou no link “cadastro”. Depois, o interessado deve comparecer ao local de emissão do certificado que exige a assinatura do viajante. No caso de São Sebastião, a emissão do documento é feita no Centro de Saúde mediante apresentação dos documentos exigidos, explicou a chefe de enfermagem Andreia Moreira Costa, responsável pelo atendimento.

 

Documentos

 

Para a emissão do certificado internacional é preciso que o interessado apresente o Cartão Nacional de Vacinação e documento de identidade original com foto. O cartão deve estar preenchido corretamente com a data de administração, fabricante e lote da vacina, assinatura do profissional que aplicou a vacina e unidade de saúde onde foi feita a imunização.

Para identificação são aceitos documentos como Carteira de Identidade (RG), Passaporte, Carteira Nacional de Habilitação (CNH), entre outros. Já, a Certidão de Nascimento é aceita para menores de 18 anos. No caso de crianças e menores de idade, não é necessária a presença dos mesmos quando os pais ou responsáveis solicitarem a emissão de seu CIVP nos Centros de Orientação para a Saúde do Viajante.

A vacina é recomendada para crianças a partir de nove meses. Já, a população indígena que não possui documentação está dispensada da apresentação de documento de identidade. Para a emissão da Carteira Internacional no Centro de Saúde de São Sebastião é importante agendar o atendimento feito às sextas-feiras, às 9h e 14h. Para isso, basta ligar nos telefones (12) 3892-2413 ou 3892-6044, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, e falar com a chefe de enfermagem Andreia Moreira Costa.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação PMSS

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.