Ilhabela Política

Tenório rejeita reajuste para prefeito, vice e secretários

Município gasta R$ 11 milhões mensais para pagar seus 1.735 servidores

O prefeito de Ilhabela, Márcio Tenório, vetou o Projeto de Lei 38/2018 que concede reposição da inflação aos salários do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

Na noite da última terça (19), os vereadores ilhabelenses acataram o parecer do prefeito e mantiveram o veto.

Com isso, a reposição de vencimentos de 2,95% de acordo com o índice IPCA acumulado no período de janeiro a dezembro de 2017 não será concedida.

Vale lembrar que em maio deste ano, o projeto de Lei do Poder Executivo que reajusta o salário em 5% aos servidores municipais foi aprovado.

Desde o início de 2017, a Administração visa valorizar os servidores com melhorias nas condições de trabalho e renda.

“Honramos o compromisso assumido com os servidores públicos municipais e também com o sindicato. Com o veto, prefeito, vice e secretário não terão reajuste, o que gera mais uma economia aos cofres públicos”, declarou o prefeito Márcio Tenório.

O projeto de Lei que concede reajuste com reposição de vencimentos de 2,95% de acordo com o índice IPCA acumulado no período de janeiro a dezembro de 2017, e aumento real de 2,05%.

Ilhabela conta hoje com 1.735 servidores concursados, que remontam uma folha de pagamento de R$ 11 milhões por mês e aproximadamente R$ 300 milhões por ano, se somados com o pagamento do 13º salário.

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.