Litoral Norte Meio Ambiente

ONG planeja evento para alertar população sobre poluição de praias e rios em Ubatuba

Fotos: Raell Nunes/TN

Na movimentação, pretende-se discutir a questão de praias ameaçadas de risco de poluição 

 

Por Raell Nunes

A ONG Amigos na Preservação, Proteção e Respeito a Ubatuba (APPRU) prevê um evento relacionado ao meio ambiente no dia 29 deste mês, das 9h às 12h. O encontro dará ênfase a poluição da baía de Ubatuba e seus rios, principalmente o Acaraú, mais poluído do Litoral Norte de São Paulo.

A concentração para a mobilização acontece na Praça 13 de Maio, às 9h. Adiante, às 9h30, haverá uma passeata nas imediações da Av. Professor Thomas Galhardo, seguindo até a famosa Praia do Cruzeiro. Lá, em sinal de protesto, os integrantes colocarão caixões simbólicos de madeira – para denunciar a poluição e sua propagação na região.

Na movimentação, pretende-se discutir a questão de praias ameaçadas de risco de poluição, que, segundo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), ficam constantemente com bandeiras vermelhas, isto é, impróprias para banho – isso ocorre devido a densidade de coliformes fecais.

Os manifestantes pretendem seguir para Av. Maria Alves, passando pelo Calçadão. Neste instante, voluntários devem pintar a tampa de bueiros, com um desenho de um peixe. Segundo a ONG, o objetivo é mostrar à população que lixo nas ruas segue para os bueiros, e dos bueiros segue para os rios e mares.

Em seguida, todos seguirão para ficar por 30 minutos em frente à Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). A ação é para reivindicar melhorias no que tange ao saneamento básico em Ubatuba, que ainda é escasso.

Conforme o presidente da APPRU, Antonio Augusto de Oliveira Neto, é preciso melhorar o saneamento básico e lutar para salvar o rio Acaraú, o mais poluído do Litoral Norte de São Paulo. Para ele, a água do rio sofre com a eutrofização – um fenômeno causado pelo excesso de hidrogênio e fósforo nas nascentes.

“Esses produtos são usados em detergentes, shampoos, sabão em pó e outros diversos produtos de belezas”, revela. Neto ainda diz que Ubatuba é uma cidade turística e precisa do turismo para aquecer a economia, sendo que está na condição de balneário. Sendo assim, o saneamento básico e moderno seriam a solução.

“Além de poluir as praias, e deixá-las impróprias, essa poluição contamina a população e esses visitantes. A poluição das águas dos rios, contaminam as praias. Ubatuba tem menos de 33% de coleta e tratamento de esgoto.Cada ano aparece uma praia imprópria. Esse ano, a novidade foi a Praia do Felix”, conclui.

3 Comentários

    • Sabemos que a situação é crítica, mas algo tem que se iniciar o quanto antes.
      Não da pra chegar no próximo verão e ver a mesma situação.
      E a própria população que sofre com lançamentos de esgonas ruas dos bairros, a fslta de água tratada nas torneiras.
      Estamos realmente vivendo de formas medievais, nos principais serviços que a sociedade necessita.
      (água tratada, tratamento de esgoto moderno, reciclagem de resíduos sólidos).
      Tem que haver um envolvimento gral, nessa causa importante.
      Envolver a Câmara de Vereadores, Prefeitura, Governo do Estado, População, Imprensa, todos devem ser unânimes, em concordar com ações urgentes em Saneamento Básico.
      Saneamento = Saúde

  • Sabemos que a situação é crítica, mas algo tem que se iniciar o quanto antes.
    Não da pra chegar no próximo verão e ver a mesma situação.
    E durante o ano, a própria população que sofre com lançamentos de esgoto nas ruas dos bairros, e a falta de água tratada nas torneiras.
    Estamos realmente vivendo de formas medievais, nos principais serviços que a sociedade necessita.
    (água tratada, tratamento de esgoto moderno, reciclagem de resíduos sólidos).
    Tem que haver um envolvimento geral, nessa causa importante.
    Envolver a Câmara de Vereadores, Prefeitura, Governo do Estado, População, Imprensa, todos devem ser unânimes, em concordar com ações urgentes em Saneamento Básico.
    Saneamento = Saúde

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.