Caraguatatuba Política

Câmara realiza hoje, audiência pública sobre o Projeto do Orçamento para 2018

Divulgação

Acontece nesta segunda-feira (6) a partir das 18h, na Câmara Municipal de Caraguatatuba, a primeira audiência pública para explanação e debate do projeto de lei nº 073/17, de autoria do Poder Executivo, que estima receita e fixa as despesas do município de Caraguatatuba para o exercício de 2018.

No mesmo dia será realizada a primeira audiência pública referente projeto de lei nº 072/17 do Executivo, que dispõe sobre o desmembramento da Secretaria Municipal de Tecnologia da Informação no município de Caraguatatuba e dá nova denominação à Secretaria Municipal de Planejamento e Tecnologia da Informação.

De acordo com o projeto da LOA, o município terá no próximo ano um orçamento de R$ 619.650.851,00. A Secretaria de Educação terá pouco mais de R$ 190 milhões, já a saúde ficará com pouco mais de R$ 136 milhões e a Câmara Municipal com cerca de R$ 21 milhões.

A outra proposta discutida cria a Secretaria de Tecnologia de Informação, desmembrando a área de Informática da Secretaria de Planejamento, com o objetivo de agilizar a prestação dos serviços públicos diante do crescimento acelerado do município, além de contribuir para o melhor gerenciamento da cidade. A secretaria terá as seguintes divisões: Segurança e Redes, Sistemas, Administrativa e Suporte Técnico. Com o desmembramento, a estrutura interna da Secretaria Municipal de Planejamento Estratégico e Desenvolvimento será composta pela Divisão de Estatística e Informação; Divisão de Planejamento Orçamentário; Divisão de Convênios; e Divisão de Projetos e Inovação.

A segunda audiência pública referente aos assuntos está marcada para o dia 13 deste mês, também às 18h, na Câmara Municipal.

As audiências terão transmissão ao vivo pelo site: www.camaracaragua.sp.gov.br e pelo facebook oficial da Câmara Municipal.

 

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.