Cultura Ubatuba

Grupo de ballet faz “vaquinha” para se apresentar na Europa

Divulgação

São 25 bailarinas que buscam realizar o sonho de participar de um campeonato internacional

 

Por Raell Nunes

As bailarinas da Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba (FundArt) estão fazendo uma “vaquinha” pela internet para conseguir dinheiro e ter a oportunidade de competir um campeonato de dança em Portugal, sudoeste da Europa.

“Abrimos a ‘vaquinha’ porque o que ganhamos é inédito para Ubatuba, inédito para nossa cidade e ninguém nunca conseguiu”, diz emocionada a diretora e coreógrafa Alessandra Penha. Ela ainda falou que vai promover outras ações para arrecadar capital tais como: rifa, bingo, jantar, brechó e pedir a ajuda de empresários.

A indicação para se apresentar no país que colonizou o Brasil, em um dos maiores festivais do mundo – o Norte Festival Dança (FDN) – só foi possível em razão do belo espetáculo exposto no Salto Fest Dance 2017 – 15° Encontro Latino Americano de Danças, que ocorreu no mês passado.

Na ocasião, as bailarinas de Ubatuba competiram com 50 grupos e academias, fazendo parte das 300 coreografias programadas para o evento. Após o espetáculo, o júri decidiu que três apresentações ubatubenses teriam a oportunidade de visitar a Europa.


Norte Festival Dança – O Norte Festival Dança será realizado nos dias 13, 14, e 15 de abril de 2018. O espetáculo competitivo recebe candidatos de vários países. Muitos gêneros de danças são apresentados, tais como: Dança Contemporânea, Dança Clássica, Dança Jazz, Street Dance etc.

“O festival une mais de mil bailarinos por dia. É um dos maiores que tem na Europa. É considerado um dos 6 melhores campeonatos europeus”, afirma Alessandra.

A coreógrafa ainda lamenta a falta de recursos para ir ao evento. Em suas palavras, algumas alunas têm dificuldades financeiras. “Tem mãe que ganha R$ 700 fazendo faxina. A realidade é muito dura”, relata.

Ela falou que o registro para fazer a “vaquinha” foi feito por uma mãe de uma aluna. Também disse que o dinheiro deve ser destinado às passagens aéreas, já que 25 bailarinas compõem a equipe.

Todo o pessoal que participa do ballet deve levar no mínimo mil euros para alimentação e transporte. “Queremos que todas compareçam e para isso precisamos da mobilização da nossa cidade”, lembra a coreógrafa.  Elas precisam de mais de R$ 100 mil.

Veja as performances aprovadas para o Festival na Cidade do Porto – Portugal:
Inspiration – Conjunto Neo-Clássico Juvenil
Lugar – Encantando – Conjunto Clássico Livre – Juvenil
Lugar – Ma Chérie … Fantastique! – Conjunto Estilo Livre Juvenil

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.