Região Tarifas

Usuários da Litorânea cobram “troco” das passagens

Passageiros comentam que empresa lucra com situação

Por Raell Nunes

Os usuários da Rodoviária Litorânea – que faz a linha Ubatuba/Caraguatatuba 32 vezes por dia – estão reclamando que não recebem o “troco” dos motoristas.

A passagem está R$ 8,90 e os dez centavos que deveriam ser repassados aos passageiros estão ficando para os cofres da empresa, conforme alegam os depoentes.

As reclamações são constantes e, muitas vezes, seguidas de discussões entre motorista e usuário. “Todo dia a mesma conversa dos motoristas: ‘não tem troco’. Tem que exigir, nem que seja cinco centavos”, diz André Nirronda.

Segundo depoimentos, a empresa acaba lucrando com a situação, uma vez que a multiplicação dos dez centavos num ônibus contendo 40 pessoas seria significativa.

“Se o excedente ficar para o motorista, não me importo. Pelo menos ‘intera’ o salário deles no fim do mês. O problema é se ficar para empresa”, analisa Jéssica Castilho.

Os usuários dizem que é mais fácil “arredondar” o valor da passagem, ou seja, transformar o R$ 8,90 em R$ 9. Assim, a polêmica não existiria. Por outro lado, os mesmos falam que a passagem é muito cara para a região.

Tendo uma opinião mais ponderada, Rose Oliveira acredita que é preciso um entendimento das duas partes. “Tento levar o dinheiro já contado, assim facilita para todos. Os motoristas não têm culpa. Eu trabalho em comércio e já vi muitos deles correrem atrás de moedas”, conclui.

A reportagem tentou contato com a Rodoviária Litorânea, mas não obteve retorno até o fechamento desta edição.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.