Litoral Norte Saúde

Ubatuba tem mais um óbito suspeito de febre amarela

Foto: PMU
Foto: Divulgação

 

Idoso faleceu nessa quarta-feira (11), na Santa Casa

 

 

A Vigilância em Saúde de Ubatuba informa que foi registrado um óbito no início da noite dessa quarta-feira (11), de um idoso de 69 anos do bairro Camburi, na região norte de Ubatuba. Ele deu entrada ontem na Santa Casa da cidade já em estado grave, vindo a falecer. A suspeita é para dengue, leptospirose ou febre amarela. O idoso não tinha tomado a vacina contra a febre amarela.

No momento, há no total 11 casos suspeitos de febre amarela no município. A Vigilância aguarda o resultado dos exames laboratoriais feitos pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL), que levam em torno de 10 dias para sair.

Por enquanto, Ubatuba tem um caso confirmado de óbito humano por febre amarela, que é de um homem de 41 anos do Sertão do Ubatumirim que também não tinha tomado vacina. Também há um macaco bugio morto, positivo para febre amarela, que foi encontrado no Núcleo Picinguaba do parque da Serra do Mar, também na região norte.

“Estamos em campanha intensiva de vacinação contra a febre amarela desde o dia 25 de janeiro com vacinação em todas as unidades de saúde, mutirões nos fins de semana, tenda no Calçadão do Centro além de vacinação casa a casa. Porém, apesar de termos doses suficientes para vacinar toda a população, apenas cerca de 53% se interessou em se imunizar até o momento. As confirmações e os casos de óbito recentes aumentaram a busca pela vacina mas, ainda assim, a procura é baixa”, informa Estela Miragaya, supervisora da Atenção Básica no município.

Hoje (12), a equipe de Vigilância em Saúde e da Atenção Básica organizam uma atividade aberta para toda a população no Teatro Municipal da cidade, às 19h, para esclarecimento de dúvidas sobre a febre amarela e para vacinação ampla.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.