Litoral Norte Turismo

Região se une em Miami para consolidar-se como destino turístico para cruzeiros

Fotos: Divulgação / PMI

Circuito Litoral Norte representa o Brasil no Seatrade – evento internacional de Cruzeiros Marítimos

 


As cidades da região se uniram esta semana e marcaram presença no “Seatrade Cruise Shipping Convention”, em Miami, nos Estados Unidos. A feira dos cruzeiros marítimos, contou com o Circuito do Litoral Norte do Estado de São Paulo formado pelo prefeito de Ubatuba, Délcio Sato (PSD), juntamente com seu secretário de Turismo, Luiz Bischof, o prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto (PSDB), junto com sua secretária de Turismo, Adriana Balbo, e o secretário de Turismo de Ilhabela, Ricardo Fazzini.

O estande do Litoral Norte na feira contou com 36 metros quadrados, decorados com fotos, e uma central de relacionamento. Uma sala reservada para que negociações das cidades com os armadores. Além disso, esteve disponível uma TV para cada cidade, a fim de que sejam exibidas imagens de atrativos de cada município.

Este ano, Ubatuba levou três vídeos – dois com atrativos e um sobre o desembarque do primeiro navio da MSC – temporada 2018, que mostra a estrutura do novo píer, o desembarque com dois tênderes e o receptivo. Atualmente, as duas empresas de navios que operam em Ubatuba são a MSC e a Costa Cruzeiros – esta última que, inclusive, já tem parada confirmada para março de 2019.

De acordo com o secretário Bischof, o objetivo da participação na feira é trazer outras empresas, mostrando Ubatuba para o mundo. Ele conta que o secretário de Turismo de Ilhabela já fez o contato inicial com essas empresas, visitando-as e distribuindo o material produzido, pois ele embarcou para os Estados Unidos no dia 27 de fevereiro, a fim de já estabelecer esse contato inicial representando o Circuito Litoral Norte.

“Ubatuba está de volta na maior feira de turismo marítimo do mundo. Nosso retorno é para ampliar e conquistar ainda mais este mercado, como fizemos em 2017, resultando na retomada das relações com a MSC. Estamos preparados para receber cruzeiros nacionais e internacionais”, comenta.


Benefícios para região – Bischof ainda acrescenta que outro objetivo da participação na Seatrade é apoiar a representatividade do Circuito para que São Sebastião se torne um porto emissor. “Temos uma agenda a ser cumprida em Fort Lauderdale, pois São Sebastião está na iminência de se tornar um porto emissor. Com as obras na Tamoios e o novo acesso da Carvalho Pinto à Osvaldo Cruz, temos cada vez mais condições de proximidade, representando um grande avanço com pessoas que virão para a região a fim de esperar o dia do embarque”, avalia.

O secretário de Turismo de Ilhabela, Ricardo Fazzini foi com missão de apresentar o arquipélago como destino turístico para paradas de cruzeiros marítimos e visitação de passageiros ao público de potenciais investidores e compradores. Bem como seu projeto de implantação de um píer de embarque para os turistas dessas embarcações.

Por mais de 30 anos a Seatrade Cruise Global é a principal exposição e conferência internacional que atende o setor de cruzeiros, reunindo compradores e fornecedores por uma semana de rede, sourcing, inovação e educação.

O prefeito de Ilhabela, Márcio Tenório enxerga como oportunidade o evento. “Como expositor na feira, o município mostra seus produtos e serviços aos compradores e decisões influentes que a visitam a cada ano, assim como acesso ao programa de conferência educacional altamente conceituado, ganhará entrada no salão comercial que abrangerá todos os setores da indústria internacional de cruzeiros e será convidado para uma grande variedade de eventos sociais em rede”, considera Márcio Tenório.

A feira é também uma oportunidade de participar de reuniões com armadores e representantes dos navios no exterior. Atualmente, a taxa cobrada pelas paradas de navios em Ilhabela é de R$ 3,95 por passageiro, totalizando em média na temporada 2016/2017 R$ 531.987,00 de arrecadação.  “A participação nesta feira e marcar a presença junto aos armadores é fundamental para ter êxito, tanto no aumento de escalas como na qualidade dos cruzeiros que param em nossa cidade” diz Ricardo Fazzini, que participa a 18 anos ininterruptamente da Seatrade Cruise Global.

Assim Ilhabela não esconde o interesse de se consolidar no mercado de atendimento aos passageiros de cruzeiros marítimos e aumentar o número de parada de navios em médio prazo. “Para o destino se consolidar nesse mercado internacional é necessário esforço e assiduidade nas ações, portanto devemos expor nossos projetos e produtos nas feiras que sejam adequadas as nossas finalidades e objetivos, não há maneira melhor ou mais rápida para entrar em um mercado do que estar presente em uma feira especializada, trata-se de uma importante ferramenta de marketing”, finalizou Fazzini.

Segundo o gerente geral da agência Island Travel, Pablo Förster, a Seatrade acontece em diferentes partes do mundo durante o ano, mas a principal e maior edição é a de Miami – que, desde 2017 é realizada na cidade vizinha, Fort Lauderdale. “É o maior evento de indústrias de Cruzeiros em que os participantes tem o poder de contratação – são CEOs, donos das Companhias Marítimas. A Seatrade é importante porque os coloca nas mãos das operadoras, do poder público e dos agentes portuários de forma direta”, explicou Förster.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.