Turismo Ubatuba

Ilha do Prumirim: um pedaço de sossego paradisíaco no Litoral Norte

Fotos: Gady Gonzalez

Turistas comparam o paraíso em Ubatuba com o cenário do filme “A Lagoa Azul”

 


Por Raell Nunes

A areia branca e fina, fazendo um contraste com o mar azul e transparente. Essas são algumas das características da Ilha do Prumirim, em Ubatuba, carinhosamente apelidada por alguns turistas de “A Lagoa Azul” por parecer com o cenário do filme produzido nos anos 80, no qual são protagonistas em uma história de amor os atores Christopher Atkins e Brooke Shields.

Diante do sossego e tranquilidade que a ilha proporciona, a comparação não é nada exagerada. “Vejo meus pés na água quando vou me banhar. Aqui não tem muitas ondas e é ideal para minhas crianças” revela Ariana Singh, 45, de Pelotas (RS).

O acesso mais corriqueiro a este paraíso é feito de barco, geralmente do lado esquerdo da Praia do Prumirim. Para ir e voltar, o gasto é de R$ 25 por pessoa – o visitante deve combinar o horário de volta com o barqueiro. O percurso é rápido, cerca de 5 minutos. Existem aqueles que preferem ir nadando ou de stand up paddle.

O lugar também é perfeito para quem quer mergulhar ou fazer snorkeling. Próximo às pedras é possível avistar peixes e até tartarugas marinhas. “Tive a sorte de ver muitos peixes. Aqui é perfeito para quem gosta de mergulho submarino. Os animais marinhos nadam com você, é muito calmo”, afirma Alexandre Cruz, 32, mergulhador amador que veio de Guaratinguetá.

Para passar o dia inteiro na ilha, alguns visitantes levam sua própria bebida e petiscos. É o caso de Roberta Coelho, 28, de Avaré. Ela foi com a família para aproveitar a paisagem e relaxar, mas não esqueceu do essencial.

“Tem que levar bebida e comida para aproveitar mais. Ah, tem que levar repelente também. O mais importante é pegar o próprio lixo depois. Ninguém merece paraíso sujo, não é verdade?”, questiona a viajante.

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.