Cultura Ilhabela

Ilhabela: Centro Cultural sedia a exposição “Poesia Concreta” de Malu Mesquita

A Fundação Arte e Cultura de Ilhabela (Fundaci), em parceria com a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, abrirá neste sábado (9), a exposição “Poesia Concreta”, da artista Malu Mesquita, no Centro Cultural da Vila, às 20h.

De acordo com a organização da exposição, serão apresentados três ensaios da artista que tratam de um assunto recorrente em sua obra: a paisagem urbana. Seu olhar observador para cenários em constante transformação provoca reflexões a cerca da memória afetiva, da sensação de abandono e das possibilidades lúdicas presentes no cotidiano das cidades, uma metáfora à era dos relacionamentos líquidos.

Em #NOMESMOMURO, Malu Mesquita propõe uma reflexão a cerca da memória afetiva, da carga emocional e dos fragmentos de histórias que carregam objetos descartados nas ruas da cidade. O conjunto das imagens resultaram no livro “#Nomesmomuro: do Instagram ao Fotolivro”, lançado no Foto em Pauta, 2018, na cidade mineira de Tiradentes.

No ensaio intitulado SÃO PAULO/NEW YORK, a fotógrafa traça uma comparação visual entre as duas metrópoles. As fotografias apresentadas em dípticos revelam as semelhanças presentes nos cenários mais emblemáticos das cidades de São Paulo e Nova York com detalhes de enquadramento e luz que revelam o olhar observador e peculiar da artista.

Usando sempre uma janela como moldura, o ensaio FRAME é um convite à imaginação e a contemplação. A série inédita de fotografias feitas a partir de janelas de diferentes formatos em lugares visitados pela artista ao redor do mundo revelam um lugar, uma cena inusitada, um olhar apurado sobre o cotidiano.

Malu Mesquita é graduada em Publicidade e Propaganda. A fotografia como escolha profissional se deu há quatro anos, em 2015, após ter se formado na Panamericana Escola de Arte e Design de São Paulo. O trabalho da artista explora a uma das características mais marcantes da história da fotografia, a paisagem urbana.

Sua obra trata de temas como memória, consumo e contemporaneidade. Inspirada na fotógrafa brasileira Luiza Dorr, que ficou mundialmente conhecida pelas 12 capas que assinou para a revista americana Time, usando câmeras de aparelhos celulares, Malu Mesquita aborda o tema mobilidade em suas obras, desde o uso do celular para captação das imagens até o suporte e o layout que escolhe para apresentar o resultado final, propondo uma reflexão sobre o alcance da imagem no século 21.

Serviço: A exposição estará aberta para visitação, gratuita, de 10 a 31/3, todos os dias da semana, sempre das 9h às 18h.

O Centro Cultural da Vila fica na rua da Padroeira, nº. 140, na Vila (Centro Histórico).

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: