Geral Ubatuba

Condições desumanas de pontos de ônibus geram criticas em Ubatuba

Fotos: Raell Nunes

Existem pontos de ônibus improvisados, apenas com placas e sem nenhuma cobertura

Por Raell Nunes

A situação de muitos pontos de ônibus em Ubatuba está levantando reclamações por parte de moradores e, também, de veranistas e turistas, que muitas vezes dependem do transporte coletivo da cidade para visitarem as regiões de beleza natural.

Na região oeste de Ubatuba, por exemplo, na rodovia Oswaldo Cruz (SP-125), os pontos de ônibus sentido serra, que faz ligação com Taubaté (SP), estão improvisados, apenas com placas e sem nenhuma cobertura. No caso de chuva, o morador ou visitante, se molha e está sujeito a doenças e acidentes.

Outra conjuntura que chega a ser desumana é a estrutura amadora feita para abrigar quem espera para pegar uma condução. As colunas são feitas de madeira ou bambu. Alguns são cobertos com telha brasilit, mas tem também, outros cobertos com plástico.

Geralmente, os pontos ficam em locais perto da mata, onde há espécies de bichos que podem entrar em conflito com os seres humanos. Outra questão é a sujeira, há lixo nos arredores e, assim, o meio ambiente pode estar sendo prejudicado.

Alguns têm telhado de telha brasilit, outros estão cobertos com plástico

Na região norte, na qual há uma grande quantidade de praias, belas e muito visitadas, ainda existem pontos feitos a madeira e em condições desfavoráveis aos usuários.

Recentemente, vários pontos de ônibus públicos, aqueles que parecem ondas para praticar surfe, foram alvos de vandalismo. Na região sul, por exemplo, nos arredores da Lagoinha, se via pichações com os dizeres: “Lula livre”.

João Ribeiro se diz incomodado com as circunstâncias dos locais para aguardar a chegada do ônibus. “Chega a ser humilhante a certo ponto. Fico mais revoltado pelos idosos, que estão no fim da vida e passam por isso”.

Larissa Gouveia acha um absurdo colocar apenas uma placa para sinalizar um ponto de ônibus. “Ficamos no sol, na chuva, em pé, expostos a tudo. Será que ninguém está vendo?”, questiona.

Apenas placa e sem nenhuma cobertura ou acomodações aos usuários

Prefeitura

Em nota ao Tamoios News, a Prefeitura informa que já foi iniciada a manutenção dos pontos de ônibus na região sul e centro oeste e que já consta no cronograma atendimento à região central.

Segundo a administração municipal, na região oeste existem  cerca de  15 pontos de ônibus,  na região sul – margeando a rodovia, são 21 e, na região norte, ainda se tem estruturas de madeira.

Sobre a manutenção, de acordo com a Secretaria de Infraestrutura Pública, ações são promovidas com frequência, porém, infelizmente, atos de vandalismos são constantes.

A Prefeitura ainda solicita a colaboração das pessoas quanto à preservação dos pontos de ônibus, pois quanto mais pessoas contribuírem para a conservação desse bem público, haverá mais oportunidade de estender o serviço para as demais localidades.

Há lixo nos arredores e, assim, o meio ambiente está sendo prejudicado

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.