causa animal São Sebastião

Vídeo-Fotos: Filhote de baleia jubarte é encontrado morto em Maresias

O mamífero marinho era uma fêmea ainda com vestígios de cordão umbilical.

 

Um filhote de baleia jubarte apareceu morto na tarde da última terça-feira (20), no canto do Moreira na Praia de Maresias, no Litoral Norte do Estado.

Veja vídeo:

Após acionamento ao Instituto Argonauta, a equipe do Projeto de Monitoramento de Praias (PMP-BS) foi até o local e constatou tratar-se de um indivíduo recém-nascido.

O animal estava há cerca de 20 metros da costeira, em meio as rochas, o que dificultou o acesso imediato. Na manhã de hoje (21), com o apoio da Prefeitura Municipal de São Sebastião na logística, foi possível remover o animal do local.

A equipe do PMP realizou a coleta de material biológico para testes laboratoriais, a fim de identificar a causa da morte.

Mais informações serão divulgadas pelo Instituto Argonauta após a análise detalhada.

Caso aviste um animal marinho vivo debilitado ou morto, ligue no: 0800 642 3341 ou (whatsapp) 12 99705.6506.

O resgate de animais vivos debilitados e mortos nas praias da região é feito pelo Instituto Argonauta, uma organização não governamental sem fins lucrativos fundada em 1998 pela Diretoria do Aquário de Ubatuba e que atua em projetos de resgate e reabilitação da fauna marinha, educação ambiental e resíduos sólidos no ambiente marinho, além de executar o Projeto de Monitoramento de Praias (PMP-BS) no litoral Norte de São Paulo.

O PMP-BS é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama. Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos. O projeto é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. O Instituto Argonauta monitora o Trecho 10, compreendido entre São Sebastião e Ubatuba

Para ajudar nesse trabalho de encalhes de aves, mamíferos ou tartarugas marinhas ligue para o PMP-BS 0800-6423341 ou diretamente para o Instituto Argonauta: (12)3833-4863 / (12)3834-1382 (Aquário de Ubatuba) / (12) 38335753 / (12) 99705-6506 – WhatsApp.

Conheça nosso trabalho

www.institutoargonauta.org

www.facebook.com/InstitutoArgonauta/

@institutoargonauta

 

 

%d blogueiros gostam disto: