Cidades São Sebastião

Felipe Augusto diz que maioria dos casos de síndromes gripais ocorre na costa sul

Em live na noite desta terça-feira(24), o prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto, disse que a cidade já tem 860 síndromes gripais notificadas. Segundo ele, não é Covid-19, mas é importante que essas pessoas se isolem. O maior número de casos está nos bairros da costa sul. Ele recomendou atenção total.

Disse que a cidade registrou três casos de pneumonia, dois casos na região central e um, em Boiçucanga, mas sem expectativa de ser coronavírus, mas sim de pneumonia comum, sem o quadro de insuficiência respiratória.

O prefeito informou que são dois casos positivos de Covid-19 e 11 casos suspeitos em investigação e uma morte suspeita de coronavírus, que ainda aguarda confirmação do Instituto Adolfo Lutz.

Trata-se da morte de Roberto Alves dos Santos, conhecido como Massa, de 60 anos, morador do bairro Pontal da Cruz que morreu na noite de segunda-feira(23).

Segundo o médico Felix, coordenador da UTI do Hospital de Clínicas, o paciente foi caso mais grave até o momento. O médico disse que o paciente havia relatado que há dias vinha sentindo dificuldades respiratórias, que era progressiva e então decidiu procurar o hospital.

Felix disse que o paciente chegou em estado muito crítico e isso dificultou qualquer procedimento por parte do  hospital. O médico entende que o paciente demorou muito para procurar atendimento e a atuação dos profissionais do hospital ficou muito limitada em função disso.

Ele recomendou que todas as pessoas que tiverem problemas respiratórios devem procurar imediatamente atendimento hospitalar.

O prefeito anunciou que adquiriu 10 ventiladores mecânicos. Cinco devem chegar amanhã e os outros cinco, na semana que vem. Segundo ele, a prefeitura, também, comprou 5 mil kits de teste rápido para coronavírus. Os kits devem ser entregues dentro de 20 dias. Cada kit custou R$150,00.

Felipe informou ainda que fez um decreto regulamentando os velórios. Em casos de morte por coronavírus, não será permitido velório e o sepultamento será imediato. Em outras situações, o velório será de duas horas e permitida a entrada de apenas 15 familiares.

Questionado sobre a presença ainda de turistas e veranistas em praias como Maresias, Baleia e Juquehy, o prefeito disse que colocará a polícia militar para impedir a presença dessas pessoas na praia e reclamou, mais uma vez, do pessoal da Praia da Baleia, de onde recebe reclamações e denúncias todos os dias, inclusive, do uso de veículos quadrimotores na areia da praia.

Agradeceu a Câmara pela aprovação do projeto que permite contratar técnicos de enfermagem, enfermeiros e médicos. Comentou também sobre a abertura do hospital regional no dia 30, que terá 10 leitos UTi e 10 leitos para internação.

 

 

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: