Cidades Ilhabela

Navios estão proibido de desembarcar passageiros em Ilhabela

Por Salim Burihan

A prefeitura de Ilhabela decidiu proibir a descida dos passageiros e tripulantes dos navios de cruzeiros no arquipélago. A medida foi tomada na tarde desta sexta-feira(13), pela prefeita Gracinha Ferreira, após se reunir com representantes da Câmara, do Comércio e da Secretaria de Saúde.

O motivo? Evitar a propagação do coronavírus no arquipélago. A cidade tem três casos suspeitos da doença, entre eles, um caso suspeito, um menino de 10 anos, que está em quarentena e passa bem.

Essa medida vinha sendo solicitada por parcela da população da Ilha, mas encontrava certa resistência na administração. Segundo Gracinha a definição foi tomada após uma recomendação dada pelo Ministério da Saúde, proibindo os cruzeiros.

A prefeita também decidiu suspender todos os grandes eventos na cidade pelo período de 30 dias. “São medidas que visam o bem estar e a saúde nossa população impedindo a propagação do coronavírus em nossa cidade”, comentou.

Dois navios atracaram nesta sexta em Ilhabela. O Música, com 2.536 passageiros e o Fascinosa, com 3.900. No inicio da noite deixaram a Ilha. Outros sete navios deveriam atracar na Ilha até o dia 9 de abril. Ilhabela previa receber R$ 140 milhões com a temporada de cruzeiros.