Cidades Ilhabela

Prefeita Gracinha cobra da Sabesp estações de tratamento de esgoto na região central da Ilha

A Prefeita Maria das Graças Ferreira, a Gracinha, posicionou-se nesta quinta-feira (16), contrária à parte do contrato apresentado pela Sabesp que não prevê construção de Estação de Tratamento de Esgoto para a
região central, fundamental para assegurar a melhoria da balneabilidade.

A prefeita discorda da proposta da Sabesp de ao invés de investir em uma nova estação de tratamento querer ampliar a estação de pré-condicionamento de esgoto. Para que seja construída uma nova estação, a prefeita fez questão de garantir recursos próprios no orçamento, uma vez que o tratamento de esgoto é prioridade do município.

“Reservamos recursos até para que, se fosse necessário, Ilhabela trataria todo o seu esgoto, preferencialmente, em estações terciárias”, disse a prefeita. Gracinha Ferreira reiterou sua posição. “Não queremos mais o afastamento
para o mar, queremos tratar nosso esgoto de forma digna e devolver água limpa para a natureza. É um compromisso básico do município fazer isso. Se a Sabesp não adequar o contrato, não assinaremos. A lei aprovada na Câmara permite licitar outra empresa”, finalizou a prefeita.

Obras de esgoto em Ilhabela

Audiências públicas

Para tratar e discutir com a população de Ilhabela, o Contrato de Prestação de Serviços de Saneamento Básico do arquipélago com a Sabesp, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizará Audiências públicas nos dias 21 e 23 de janeiro, a partir das 18h, no auditório do Paço Municipal. As audiências têm como objetivo, levar o conhecimento sobre o contrato e abrir espaço para manifestação pública.

Sabesp

A Sabesp informa que enviou à Prefeitura de Ilhabela a Minuta do Contrato de Prestação de Serviços Públicos de Abastecimento de Água e/ou Esgotamento Sanitário, bem como todos os Anexos que o integram, para realização de audiências públicas.

Importante destacar que o contrato está aderente a todo o Plano Municipal de Saneamento, que é parte integrante do contrato.

A Sabesp ressalta ainda que executou e executará os projetos necessários à universalização do saneamento no município, inclusive com a construção de uma Estação de Tratamento de Esgotos – ETE para atender a toda região central.

Essa ETE estava prevista originalmente para ser instalada no bairro Itaquanduba. Porém, em função do grande número de edificações (moradias) próximas à estação de pré-condicionamento da Sabesp e atendendo ao pedido da própria Prefeitura de Ilhabela, o local de instalação será revisto. Desta forma, a Sabesp aguardará o poder público definir um novo local para a construção da Estação de Tratamento de Esgotos. Essas alternativas já estão previstas no próprio Plano Municipal de Saneamento Básico de Ilhabela.

É importante reforçar que durante as Audiências Públicas o corpo técnico da Sabesp estará presente com o propósito de sanar todas as dúvidas que forem apresentadas.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: