Cidades São Sebastião

Felipe Augusto atende determinação do TJ e começa a demitir comissionados

Prefeito de São Sebastião lança dois conjuntos habitacionais

O prefeito de São Sebastião, Felipe Augusto, começou na quarta(13),  a cumprir a decisão judicial que determinou que sejam demitidas todas as pessoas da Prefeitura de São Sebastião que ocupam cargos comissionados desde 2015.

Entre os que serão demitidos da prefeitura, estão 243 pessoas que ocupam cargos criados por Felipe Augusto no inicio de sua gestão. As demissões ocorrem porque o MP(Ministério Público) apontou irregularidades nas contratações.

O TJ(Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo), no final de setembro,  determinou as demissões pela prefeitura. Cerca de 500 pessoas devem ser demitidas.

Em sua página na internet, o prefeito afirmou que mais de 500 funcionários, entre eles servidores públicos de carreira perderam suas funções ou gratificações. Todos os cargos criados terão que ser extintos.

“Não teremos mais em nossa cidade cargos como diretores de escola, vice-diretores, psicopedagogos, coordenadores, conselheiros tutelares, comandantes da Guarda Civil Municipal e Guarda Mirim, Chefe do Procon, Coordenador da Defesa Civil, Coordenador do CRAS e CREAS, do CAPS, Centro de Controle de Zoonoses e muitos outros. A qualidade dos serviços prestados para o povo será prejudicada, o povo vai ser prejudicado”, disse Felipe Augusto.

Segundo ele, secretarias inteiras terão que ser fechadas, como é o caso da recém-criada Secretaria da Pessoa com Deficiência e do Idoso. Felipe disse ainda que “a denúncia foi feita ao Ministério Público por pessoas que não querem o bem de São Sebastião. Que torcem para que a cidade não avance. Uma oposição que não pensa na população. ”Amamos São Sebastião, e seguiremos trabalhando”, finalizou o prefeito.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: