Caraguatatuba Cidades

Trecho de serra da Tamoios permanece interditado

O trecho de serra da rodovia dos Tamoios permanece  interditado e sem previsão de liberação devido alto volume de chuva e risco de queda de barreiras.

A interdição ocorreu na segunda(3), por volta das 16h20, devido ao acumulado de chuvas registrado no trecho de serra. O bloqueio ocorre no Km 81, em Caraguá e no Km 58, no início da descida da serra.

O Protocolo de Segurança, seguido pela Concessionária Tamoios,  determina que, ao atingir 100 mm, o trecho seja interditado devido ao risco de queda de barreiras.

Painéis orientam os motoristas sobre a interdição. A informação também está sendo repassada nas praças de pedágio e através do site e  twitter da concessionária.

O trecho de serra da Tamoios tem 12 quilômetros de extensão. Devido as chuvas de ontem, foram registradas neste  trecho, nas proximidades de Caraguatatuba, um deslizamento de encosta e uma queda de árvore.

Segundo a concessionária, o que mais preocupa é a instabilidade das encostas no trecho de serra. Os engenheiros da concessionária percorrem o trecho e acompanham os índices de chuva nas estações meteorológicas instaladas na serra.

Concessionária mantém cinco estações meteorológicas no trecho de serra

A concessionária mantém cinco estações meteorológicas no trecho de serra, nos Km 59, 67, 72, 74 e 81. Estas estações avaliam os índices de chuvas no trecho de serra e através delas, os engenheiros fazem suas previsões e o monitoramento das encostas.

Caso a chuva pare e as encostas não oferecerem riscos o tráfego poderá ser liberado, caso contrário, a estrada deverá permanecer interditada.

Na manhã desta terça, a concessionária liberou duas operações comboio, com o apoio da Polícia Rodoviária estadual.

A prioridade foi liberar os caminhões que transportam produtos como gêneros alimentícios, gás e combustível para abastecer a região.

As rotas alternativas para quem quer deixar ou chegar ao Litoral Norte são as rodovias  Rodovia Oswaldo Cruz e Rodovia Mogi – Bertioga.