Caraguatatuba Comércio

Caraguá: Comércio vai promover protesto dia 22 contra interdições na Tamoios

Na manhã desta segunda(01), representantes da Associação Comercial, Associação de Hotéis e Pousadas, Associação de Quiosques, Comtur e OAB, se reuniram para discutir os problemas que as interdições do trecho de serra vem causando à economia local.

“ As interdições tem prejudicado muito a vida de todos, de empresários a ambulantes. Precisamos saber o que está acontecendo”, comentou o presidente da Associação Comercial de Caraguá, Sávio Luiz dos Santos.

Segundo ele, a comunidade não cobra o fim das interdições, por entender, que elas ocorrem nos períodos de chuva para preservar a vida dos usuários, quando há risco de queda de barreira na serra.

Sávio disse que a comunidade quer saber detalhes da obra, do seu andamento e da previsão de sua conclusão.

“Queremos, também, que a concessionária não cobre pedágio dos usuários quando ocorrem as interdições”, afirmou.

Essa sugestão também foi apresentada, recentemente, pela Frente Parlamentar do Litoral Norte, entidade que reúne vereadores de toda a região.

Entre as medidas avaliadas, na reunião desta segunda(01), estão a elaboração de um abaixo assinado que será encaminhado ao governador Doria, uma manifestação pacífica na rodovia no dia 22 e uma ação pela OAB local, possivelmente contra a cobrança do pedágio nos dias de interdição.

A Tamoios foi interditada por cinco vezes este ano, todas às vezes, devido ao índice elevado de chuvas no trecho de serra.  Quando o índice chega aos 110 milímetros a estrada é interditada pois há risco de deslizamentos na serra.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: