Fiscalização Polícia

Polícia Ambiental apreende cinco embarcações por pesca ilegal

Policiais Militares da Companhia de Policiamento Ambiental Marítimo do 3° Batalhão de Polícia Ambiental do Estado de São Paulo, a CIAMAR, desencadearam OPERAÇÃO DIA DA INDEPENDÊNCIA, de 6 a 10 de setembro, realizando patrulhamento náutico e motorizado por todo o litoral paulista, seja na costeira do estado, como nos rios, mangues, comércios de pescados e rodovias, onde ocorre o comércio do caranguejo, com o intuito de coibir toda e qualquer irregularidade de pesca.

A Operação teve grande resultado positivo em favor do Meio Ambiente, consecutivamente para a sociedade, tendo como saldo a apreensão de 5 (cinco) embarcações pesqueira; 14 (quatorze) redes de arrasto, totalizando 460 metros; 20 (vinte) “portas”, petrecho utilizado na pesca; 38 (trinta e oito) quilos de Camarão Sete-Barbas, os quais foram doados a 4 (quatro) instituições beneficentes do litoral; 13 m(treze) quilos de mexilhão perna-perna, o qual encontra-se em seu período de Defeso; 36 (trinta e seis) caranguejos da espécie UÇÁ, sendo imediatamente devolvidos a seu habitat natural; soltura de algumas espécies de peixes e crustáceos que estavam presos as redes irregulares, além da prevenção, tendo em vista o patrulhamento ostensivo constante, evitando assim novas irregularidades.

Na ocasião também foram lavrados 9 (nove) Autos de Infração Ambiental, sendo identificado e autuado 8 (oito) infratores que estavam engajados na pesca de forma irregular, totalizando R$ 18.865,00 (Dezoito Mil, Oitocentos e Sessenta e Cinco Reais) em multas por crime ambiental, o qual os infratores responderão em liberdade.

Os flagrantes ocorreram nos município de Cananéia, São Vicente, Guarujá, Bertioga, Ilhabela e Caraguatatuba, todas dentro de Área de Proteção Ambiental Marinha, e/ou zona de amortecimento de Parque Estadual. Denúncias podem ser feitas pelo telefone (13)3348-4780

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.