Geral São Sebastião

Associação de Amparo à Mulher Sebastianense promove jantar para arrecadar recursos

A Associação de Amparo à Mulher Sebastianense(AAMS), promove na próxima sexta-feira, dia 14 de junho, a partir das 21:00h, no salão do Tebar Praia Clube um jantar com música ao vivo, com a finalidade de capitar recurso para na manutenção de suas atividades, tais como: atendimento as mulheres em situação de violência e projeto de ressocialização do agressor.

O ingresso custa R$ 50,00 por pessoa e pode ser adquirido na sede da entidade ou no Tebar Praia Clube.  Segundo Beth Chagas, diretora e uma das fundadoras da AAMS,  a procura por convites para o jantar dançante tem sido muito grande, mas ainda existem ingressos a venda.

AAMS

A Associação de Amparo à Mulher Sebastianense existe há 41 anos em São Sebastião e é uma das entidades mais reconhecidas na região no atendimento às mulheres em situação de violência.

A associação iniciou seu trabalho no final da década de 70 prestando ajuda as mulheres que frequentavam a zona de meretrício da cidade, bastante movimentada, na época, devido as operações no porto local.

O grupo de voluntárias da associação acolhia as mulheres violentadas e as orientava com relação as doenças sexualmente transmitidas e ao uso de preservativos.

A partir de 2007, a entidade com a criação do Centro de Referência da Mulher, os voluntários passaram a trabalhar com as mulheres vítimas de violência doméstica.

Mais recentemente, a associação passou a atuar no programa Tempo de Despertar, que dá assistência aos homens processados pela Lei Maria da Penha.

A ação foi iniciada porque a maioria das mulheres vítimas de violência doméstica não queriam deixar seus companheiros, apesar das agressões.

“Ficamos sabendo de um projeto promovido por uma promotora de justiça, em Taboão da Serra(SP), que trabalhava com os maridos ou companheiros agressores de mulheres e decidimos implantá-lo em São Sebastião”, conta Beth Chagas.

Segundo ela, a juíza da cidade, encaminha os agressores processados pela Lei Marinha da Penha à entidade e eles participam de oito reuniões com voluntários homens da associação. O objetivo é a ressocialização deles.

As reuniões acontecem todas as quartas-feiras, das 9h30 às 12h30, na sede da OAB(Ordem dos Advogados) de São Sebastião.

%d blogueiros gostam disto: