Caraguatatuba Geral

Mulheres foram barradas com drogas no CDP de Caraguá

Foto: SAP/Divulgação

 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou que duas mulheres foram barradas ao tentarem entrar no CDP(Centro de Detenção Provisória) de Caraguatatuba com drogas no último sábado, dia 22 de junho. Ao todo, foram apreendidos 356 gramas de maconha com visitantes na região.

No sábado, por meio do procedimento de revista por escaneamento corporal, duas mulheres foram barradas com drogas na vagina no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caraguatatuba. Uma, a irmã de 24 anos de um detento, trazia um invólucro com 185 gramas de maconha e 60 folhas de papel de seda no corpo e a outra, a companheira de 37 anos de um preso, carregava 161 gramas de maconha no órgão genital. Ambas foram encaminhadas para a Delegacia Seccional de Polícia de Caraguatatuba.

Maconha que estava escondida na vagina de uma das mulheres detidas no CDP de Caraguá

As três mulheres tiveram seus nomes suspensos do rol de visitas da SAP. As direções das unidades prisionais enviaram comunicados para a Vara de Execuções Criminais, além de instaurarem Procedimento Disciplinar Apuratório.