Geral

Score: o que é e o que fazer para aumentá-lo? Confira 5 dicas essenciais

As instituições financeiras utilizam de uma ferramenta para decidir se podem ou não liberar o financiamento, empréstimo, crédito ou até mesmo o aumento do limite do cartão de crédito solicitado pelo consumidor. O nome desse recurso é Score.

O Score é uma palavra em inglês que significa “pontuação”. Ela representa a nota dada ao consumidor para que as empresas possam entender quais são as chances de uma compra ser paga em um determinado prazo. Ou seja, essa pontuação determina se ele é um bom pagador ou não.

Cada empresa utiliza seu próprio sistema, mas em geral o score varia de 0 a 1000, e quanto maior a numeração, melhor a sua avaliação e, consequentemente, maiores são as chances de você conseguir um empréstimo pessoal com ótimas condições de pagamento, por exemplo. A pontuação utilizada de forma geral é:

  • 0 a 300 – risco alto de inadimplência;
  • 301 a 600 – risco médio de inadimplência;
  • 601 a 800 – risco intermediário de inadimplência;
  • 801 a 1000 – risco baixo de inadimplência.

Por isso é muito importante manter o seu score o mais alto possível! Quer saber como fazer isso? Separamos 5 dicas muito eficazes para você!

Mantenha suas contas em dia e seu nome sempre limpo

Para ter um score alto, você não pode ter dívidas no seu CPF. Mas para isso é preciso estar em dia com todas as suas contas, sejam elas antigas ou atuais. Então, caso tenha alguma restrição em seu nome, procure quitá-la o mais rápido possível para aumentar a sua pontuação.

E se você está com dificuldades em pagar as contas por falta de dinheiro, tente cortar gastos desnecessários da sua rotina ou aumente os seus ganhos com renda extra. E caso você tenha baixa renda, não deixe de conferir sempre o Calendário do Bolsa Família. Com essa ajuda você poderá quitar as dívidas mais importantes do mês e não ficar no aperto.

Outra alternativa é colocar suas contas rotineiras no débito automático. Dessa forma, as chances de você esquecer de pegá-las são praticamente zero.

Mantenha suas informações sempre atualizadas nos órgãos de proteção ao crédito

Procure manter o hábito de atualizar sempre que possível os documentos cadastrados nos sites dos órgãos de proteção ao crédito, pois isso é uma forma de comprovar para as instituições financeiras que você está 100% em dia com as contas.

Além disso, estar com a documentação atualizada no seu cadastro passa transparência para as empresas que estão te avaliando, e isso gera confiança na quitação da dívida.

Se planeje

Planejamento é o segredo do sucesso! Manter as suas contas em dia não é uma tarefa impossível, basta ser disciplinado e organizado. Então procure gastar seu salário apenas com questões importantes, se você estiver passando por momentos apertados, e organize todos os seus gastos e ganhos de forma bem visual para saber quanto e quando você terá contas para pagar e se terá recursos suficientes.

Uma ótima alternativa são as planilhas de gastos mensais, as quais possuem campos para você inserir os seus ganhos e os seus gastos. Com isso fica fácil visualizar tudo que você precisa pagar em determinado mês e não perder nenhum prazo.

E não se esqueça de poupar uma parte do seu salário para te ajudar em meses mais apertados. Por menor que seja esse valor, poderá te salvar em situações futuras!

Tenha bons hábitos financeiros

Ter hábitos financeiros saudáveis vai te ajudar na manutenção do seu score alto e vai proporcionar a você todos os benefícios disso, e os principais hábitos que você deve manter são: não ter dívidas em seu CPF, não usar cheque especial, não usar todo o limite do seu cartão de crédito, parcelar suas compras o mínimo possível, organizar os seus ganhos e gastos de uma forma prática e visível para não perder nenhum prazo de pagamento, e principalmente, como já mencionamos antes, manter suas contas em dia!