Informe Publicitário

Educação financeira em tempos de pandemia

Divulgação

A pandemia chegou e muitas pessoas perderam o domínio de suas vidas financeiras. Isso é um pouco normal, já que culturalmente o brasileiro não dá muita importância para a educação financeira e muitas pessoas nem sequer possuem condições de melhorar suas finanças.

Seja você um profissional de carteira assinada, desempregado, autônomo ou empreendedor de uma pequena ou grande empresa, é certo de que a situação financeira de quase ninguém melhorou nesta pandemia.

Pensando nisso, trouxemos algumas ideias para melhorar sua educação financeira e trazer melhores soluções para um momento tão difícil como este que estamos vivendo.

Saiba a dimensão das suas despesas mensais

As pessoas não costumam ter o hábito de anotar suas finanças e isso é extremamente prejudicial para a saúde financeira.

Por isso, faça um levantamento de todas as suas despesas mensais levando por base os últimos meses de consumo. Veja nas contas de água, energia, telefone, aluguel, condomínio e outras despesas fixas que chegam os boletos todos os meses.

Coloque em um papel qual o valor médio de suas contas e quais os vencimentos. Veja também sobre qual a média de gastos com despesas como:

  • Comida
  • Roupas
  • Entretenimento
  • Limpeza
  • Saúde
  • Transporte

Depois de ter este levantamento, você terá completa noção do quanto gasta por mês para tomar atitudes nos próximos passos.

Tente negociar suas despesas mensais e cancelar o que não é necessário

Algumas despesas podem ser negociadas para que fiquem mais baratas. Este é um momento difícil para todos e alguns credores podem estar mais dispostos a ajudar.

Ligue e negocie o seu aluguel, conta de telefone e assinaturas. Se for necessário, considere também cancelar algumas despesas ou diminuir o plano, no caso do telefone, internet ou tv a cabo.

Uma boa forma de economizar dinheiro no período de pandemia é cortando luxos. Por isso, veja no seu orçamento o que é possível ser cortado para que as contas do mês fiquem mais baratas.

Saiba a dimensão das suas dívidas

Se você possui dívidas, deve fazer o mesmo. É preciso ter uma dimensão do tamanho do problema para enfrentá-lo de frente.

Coloque em um papel quais são os valores atualizados das suas dívidas, por ordem de gravidade, como por exemplo, aquelas que ficam mais caras com o passar do tempo.

Tente negociar suas dívidas

Em época de pandemia, as empresas precisam de dinheiro em caixa. Por isso, elas estão mais dispostas a negociar a sua dívida para receber dinheiro que vão também ajudar para que elas passem por este momento difícil.

Portanto, entre em contato com todas as empresas e credores com quem você possui dívida e tente negociá-las. É importante que você aproveite este momento para tirar alguma vantagem e pagar mais barato nas dívidas que já possui.

Na negociação você pode fazer novos acordos com bancos, pagar dívidas caras com valores bem abaixo e muito mais. É preciso ligar e descobrir as propostas que os credores tem a oferecer.

Se não consegue pagar uma dívida, considere ao menos tentar diminuir os juros. Tudo é válido para melhorar a sua saúde financeira.

Siga em frente que falaremos sobre como ter mais dinheiro e como conseguir uma renda no período de pandemia.

Tente economizar ao máximo

Já falamos sobre como você pode negociar contratos de despesas mensais e sobre o corte de luxos, como TV a cabo, por exemplo. Agora chegou a hora de falar um pouco mais sobre economia e tudo que você pode fazer para ter mais dinheiro no final do mês.

  • Evite comer fora ou pedir delivery
  • Troque sua opção de transporte por algo mais barato
  • Cogite se mudar para um local mais barato
  • Desligue as luzes e aparelhos que não estão em uso
  • Demore menos no banho
  • Troque o plano de telefone ou considere usar pré-pago
  • Use bancos digitais sem taxas
  • Cartão de crédito sem anuidade (evite o uso na pandemia, sua estabilidade neste período está comprometida)

Existem outras diversas formas de economizar e cada um sabe onde encontrar o desperdício de dinheiro em suas finanças, basta olhar o levantamento que ensinamos você a fazer.

Ainda assim, se o dinheiro continua curto, existem algumas opções de renda extra para você procurar e ganhar mais dinheiro na pandemia para cumprir com os seus compromissos e voltar a ter o controle das suas finanças.

Renda extra na pandemia

É certo de que nesse período você precisa se cuidar para não estar exposto ao coronavírus. Pensando nisso, trouxemos somente modelos de renda extra que podem ser feitos de casa.

1 – Crie um site ou blog

Produzir conteúdo para a internet pode ser uma forma de ganhar dinheiro sem sair de casa na pandemia. Por isso, faça um registro de domínio, contrate uma hospedagem de sites e produza conteúdo de valor, monetizando com vendas de afiliado ou anúncios do Google.

2 – Crie uma loja virtual

Possui algum produto para vender? Crie uma loja virtual para alcançar mais pessoas e fazer mais vendas. O mesmo modelo de operação de criação de sites é válido aqui e você vai precisar comprar um domínio com um bom nome e contratar uma hospedagem de sites da mesma forma.

Se você ainda não vende algum produto, na internet é possível encontrar fornecedores para que você tenha estoque ou também trabalhe com dropshipping, criando uma loja virtual onde você não se preocupa com a logística.

3 – Registro e revenda de domínio

Com o crescimento da busca por sites, o registro de domínio tem sido uma boa opção de revenda. Procure por domínios comuns que podem ser interessantes para as pessoas e faça o registro deles.

Depois disso, ofereça um catálogo com cada domínio que foi registado e coloque-os à venda. Você pode fazer isso tanto por redes sociais, quanto criando um site para comercialização de domínios.

4 – Faça vendas como parceiro ou afiliado

A Magazine Luiza possui uma plataforma para que você possa ter a sua lojinha com produtos Magalu. Neste caso você não vai precisar registrar domínio e nem contratar hospedagem de sites. Basta entrar no magazinevoce.com.br/cadastro, fazer seu cadastro e começar a vender.

Empresas como a Amazon, Hotmart, Monetizze e Eduzz também oferecem serviços parecidos para que você venda os produtos deles e ganhe comissão por isso.

5 – Confeccione máscaras e venda online 

A máscara vai ser um acessório que pode ter grande utilidade por muito tempo. As pessoas estão se acostumando a usá-la com mais aceitação. E enquanto esse problema estiver presente, este vai ser um produto de alta recorrência.

Por isso, confeccione máscaras e venda online. Na internet você encontra diversos tutoriais que ensinam como fazer e você pode vender até mesmo em suas redes sociais.

6 – Trabalhe como freelancer

Na internet você também vai encontrar muitas oportunidades para trabalhar como freelancer.

Se você escreve bem, sabe editar fotos e vídeos, fazer apresentações de Powerpoint, sabe prestar atendimento on-line ou qualquer outro serviço, não hesite em procurar trabalho em plataformas freelancer como o Workana, 99freelas, Getninjas e em grupos do Facebook sobre o tema.

Conclusão

O período de pandemia também é um período de recessão econômica. Todo mundo está passando dificuldade e é necessário que você aprenda a dominar as suas finanças para que tudo não se torne um pesadelo.

Com as dicas que demos acima, você será capaz de ter noção sobre o que gasta, saber o mínimo de renda que precisa ter todos os meses e como conseguir.

Aproveite este tempo para pensar também na importância de uma reserva de emergência e dê prioridade para gastos essenciais acima de qualquer outro gasto supérfluo.

Gostou das dicas? Deixe o seu comentário ou dúvida e compartilhe este post nas suas redes sociais para ajudar mais pessoas a passarem por este momento difícil.