Cidades Litoral Norte

Litoral Norte tem mais de 3.500 casos de dengue

O Litoral Norte já registra cerca de 3.500 casos de dengue. Ao longo de todo o ano passado foram registrados 103 casos da doença na região. Até o momento foram registradas cinco mortes por dengue, três em Caraguá e duas em São Sebastião.

Os primeiros casos de dengue foram registrados no início do ano. Em abril, eram 256 casos, mas a partir de maio, a dengue se expandiu e muito na região: 1699 casos. Em junho,  o número de casos chega a 3.500.

Caraguá lidera o número de casos positivos da doença, com 1980 casos: e, Ubatuba, aparece com 1071 notificações positivas. Em Ilhabela, são 153 casos. A prefeitura de São Sebastião não informou o número de casos da doença em junho. No mês passado, São Sebastião registrava 201 casos. Na maioria das cidades, os casos de dengue notificados são do tipo 2.

Em Caraguá, os bairros com mais casos da doença ficam na região sul: Porto Novo, Perequê, Travessão e Barranco Alto. Em Ubatuba, lideram os casos de dengue os bairros Centro, Estufa II e Itaguá. Em Ilhabela, os bairros mais afetados são: Barra Velha,  Vila,  Itaquanduba, Itaguaçu, Perequê e Curral.

A chegada do inverno deve reduzir o número de notificações, mas mesmo assim, as prefeituras, pelos menos em Caraguá e Ubatuba, continuam fazendo campanhas casa a casa para combater os criadouros do mosquito transmissor.

Os moradores estão sendo orientados a evitar água acumulada em vasos, ralos e calhas.  Segundo as prefeituras, o momento é ideal para combater e eliminar os criadouros do mosquito transmissor para que no final do ano seja evitada uma nova epidemia de dengue.

%d blogueiros gostam disto: