mar Ubatuba

Ubatuba registrou três afogamentos no fim de semana

Ubatuba registrou três afogamentos no fim de semana. Um homem morreu, outro está desaparecido e um menino está em estado grave.

A forte correnteza registrada nas praias exigiu muito trabalho por parte dos guarda-vidas de Ubatuba no fim de semana.

Um turista, de 26 anos, da cidade de Pindamonhangaba, morreu no início da tarde de domingo(30), quando entrou na água da praia do Perequê-Açu, com um grupo de amigos.

A forte correnteza acabou levando ele e outro amigo. O acidente ocorreu por volta das 12h30. Um surfista conseguiu resgatá-lo, mas o outro, de 35 anos, também da mesma cidade, desapareceu.

O rapaz, após ser retirado do mar, recebeu os primeiros socorros, mas não resistiu e morreu no local.

O Corpo de Bombeiros fez buscas durante toda a tarde de domingo e na manhã desta segunda (1º), na tentativa de encontrar, o homem de 35 anos, que foi arrastado pela correnteza, sem sucesso.

Segundo o GBmar (Grupamento de Bombeiros Marítimo), a praia do Perequê-Açu tem guarda-vidas, mas os afogamentos ocorreram em local desguarnecido.

Na manhã de domingo, outro afogamento foi registrado, desta vez, na Praia Grande. Um menino de 14 anos, da cidade de Jundiaí, também levado pela correnteza, se afogou, foi socorrido e reanimado e conduzido até a Santa Casa de Ubatuba.

No hospital o menino foi medicado e entubado, mas acabou sendo transferido, devido a gravidade de seu caso, para um hospital de São José dos Campos.

Ainda na Praia Grande, a forte correnteza arrastou seis pessoas da cidade de Santa Bárbara do Oeste(SP).

O grupo foi resgatado pelos guarda-vidas, com o apoio de moto aquática. O acidente ocorreu por volta das 12h45 do domingo(30).

Nos últimos dez dias, Ubatuba já registrou três mortes por afogamento.

O GBmar orienta os banhistas à procurarem utilizar praias com guarda-vidas e se informarem sobre os locais ideais para o banho e sobre as condições do mar.

O Estado e as prefeituras estão contratando guarda-vidas para reforçar a segurança nas praias entre novembro e março(2019).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.