Medina Bicampeão SURFE

Medina cai nas quartas eliminado por Jadson André que faturou o título em Fernando de Noronha

O bicampeão Gabriel Medina ficou fora da decisão do QS 6000 disputado em Fernando de Noronha. Ele foi eliminado nas quartas de final pelo surfista potiguar Jadson André, que acabou levando o título da competição.

Além de bater Gabriel Medina, nas quartas; Jadson André também venceu, na semi, o norte-americano Cam Richards, que vinha se destacando no campeonato. O surfista do RN ganhou com notas 15,90 contra 12,47. O outro potiguar na disputa, Ítalo Ferreira, foi derrotado exatamente por Yago Dora, na semi, 16,50 a 16,17, disputa bastante equilibrada.

Na final, Jadson, que somou 16.46, venceu na decisão o surfista brasileiro, Yago Dora, que somou 16.10. Jadson estava numa manhã de muita sorte, teve  a prancha quebrada, saiu da água para trocar e virou a bateria em sua última onda.

Jadson André é natural de Alexandria, cidade potiguar que não fica no litoral, a 319 quilômetros de Natal. Mas ele mora na capital desde criança e começou a surfar aos 10 anos. Ele ficou de fora da Liga Mundial em 2018, mas no final daquele ano conseguiu retornar. Atualmente ele é o 31º no ranking.

Medina foi superbem nas primeiras etapas da competição, chegando a ser ovacionado pela torcida. O surfista sebastianense foi o maior destaque e o mais tietado da competição. No sábado, ontem, chegou  a dar uma de “cantor” em uma balada em Fernando de Noronha. Medina deve voltar a surfar competitivamente na primeira etapa do mundial 2019, a Gold Cost, no dia 3 de abril.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.