Caraguatatuba Cidades

Apesar da pressão dos prefeitos, Estado mantém região na Fase 2-Laranja do Plano São Paulo

O secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, afirmou durante coletiva de imprensa, realizada no início da tarde desta quarta-feira(29), no Palácio dos Bandeirantes, que a região do Vale do Paraíba e Litoral Norte permanecerá na fase 2- Laranja, do Plano São Paulo, conforme entendimento do Comitê de Contingenciamento da Covid-19 no Estado.

Os prefeitos da região, entre eles, Delcio Sato, de Ubatuba e Felipe Augusto, de São Sebastião, querem avançar para a fase 3-Amarela, alegando uma possível falha no lançamento de dados pelo e-SUS.

Vinholi, que conversou com os prefeitos na manhã de terça-feira(28), afirmou nesta quarta, durante a coletiva, que os dados apresentados pelos municípios foram verificados e mesmo com esse retardamento causado no sistema e-SUS não teria havido qualquer alteração ou impacto comprovado para que se levasse para a fase amarela, mas sim a manutenção da fase laranja.

Segundo ele, a região vem apresentando uma evolução na pandemia. “É importante esclarecer que o Vale do Paraíba teve um crescimento de 17% de casos e 20% de óbitos, que manteve a região na fase laranja por uma questão de saúde pública”, justificou.

O coordenador do Comitê de Contingenciamento da Covid-19 no Estado, Paulo, Paulo Meneses, afirmou que o centro avalia os indicadores e sugere a classificação. “Os indicadores continuam crescendo na região, que deve permanecer na fase Laranja”, comentou.

Os números da região, que inclui cidades do Vale, Mantiqueira e Litoral Norte, são preocupantes: 16.431 casos e 519 mortes. Apenas nas quatro cidades do Litoral Norte, são 2.367 casos e 98 mortes pela covid-19.

No Litoral Norte, as prefeituras, extraoficialmente, já avançaram para a fase Amarela, ao permitirem reabertura de restaurantes, bares, academias, entre outras atividades, ainda com restrições. As prefeituras de Ubatuba e São Sebastião, cujos prefeitos estiveram ontem na capital, pretendem passar “oficialmente” para a fase Amarela, que permitiria novas flexibilizações, mas ainda aguardam um parecer do estado.

Segundo o prefeito, Delcio Sato, a expectativa é que o governo deve se manifestar sobre uma possível avanço de fase no Vale e Litoral Norte até sexta-feira(31). Trata-se de uma pressão política feita por prefeitos.do Vale e de Sato e Felipe Augusto, em cima do secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. A decisão será política e ficará a cargo de Doria.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: