Caraguatatuba Polícia

Autoridades “monitoram” festas funk nas redes sociais

Aguilar Júnior se reuniu esta semana com representantes das polícias civil e militar para definir estratégias para reduzir a violência na cidade

Por Salim Burihan

A Prefeitura, bem como, a polícia local, vem utilizado as redes sociais para acompanhar e coibir a realização de “fluxos, rolezinho ou festas funk” na cidade.

Esse monitoramento teria sido iniciado a partir do dia 3 de junho, quando três jovens foram baleados durante uma festa na Praia do Camaroeiro. Os jovens tinha idades entre 15 e 18 anos. O autor dos disparos, segundo consta, continua foragido.

Essa iniciativa fez com que um encontro de jovens programado no bairro do Morro do Algodão fosse cancelado duas semanas atrás.

Através do monitoramento no Facebook e whatsaap, as autoridades ficam sabendo onde e quando serão promovidas as festas funk, se antecipam e inviabilizam o encontro.

Além da polícia, também são acionados, representantes do conselho tutelar, a fiscalização da prefeitura e agentes de trânsito.

Esse monitoramento, segundo o prefeito Aguilar Júnior, tem dado bom resultado. Aguilar Júnior comentou sobre o assunto, em recente reunião com empresários e comerciantes, na sede da ACE(Associação Comercial e Empresarial) de Caraguá.

Aguilar Júnior disse, na ocasião, que a prefeitura tentou colaborar com os jovens, oferecendo palco, música e segurança, para uma reunião dos jovens no espaço do museu, no centro, mas, segundo ele, apenas 50 jovens compareceram.

A prefeitura e a polícia querem coibir o tráfico de drogas e a venda de bebidas alcóolicas à menores de idade.

+ Segurança

Aguilar Júnior esteve reunido na última quinta (28), com secretários, vereadores e representantes das polícias civil e militar. O objetivo do encontro foi estabelecer estratégias para o combate à violência no município.

Delegado seccional Múcio Mattos Monteiro Alvarenga fala durante reunião entre autoridades e o prefeito Aguilar Júnior Fotos-PMC

Segundo ele, “apesar de os índices apontarem uma queda na violência, temos cobrado insistentemente do Estado ações que derrubem ainda mais as estatísticas”.

Para o prefeito, “está faltando ao Estado olhar de forma diferente para o Litoral Norte no que diz respeito à Segurança”.

Aguilar Júnior tem feito a parte dele, investindo em atividade delegada, monitoramento, iluminação pública e oferecendo esportes e cultura aos jovens. O maior problema da cidade seria o efetivo policial, que não tem sido ampliado a cerca de 15 anos.

Presente à reunião, o delegado seccional de polícia do Litoral Norte, Múcio Mattos Monteiro Alvarenga, falou sobre a necessidade de estratégias e da união de todas as forças.

“Segurança não é uma coisa que se busca sozinho. A busca pelas soluções devem ser por meio de ações conjuntas”, comentou Múcio.

Também presente, o Capitão da Polícia Militar, Luiz Fernando Oliveira (Comandante da 2ª Companhia de Caraguatatuba), colocou-se à disposição das autoridades, para o trabalho conjunto.

A assessoria de imprensa da Prefeitura disse que nenhuma ação específica teria sido abordada no encontro, principalmente, com relação ao combate as  festas funk. Segundo a assessoria, a reunião serviu apenas para uma maior integração entre o prefeito e as autoridades civis e militares.

1 Comentário

  • Tô em todos fluxo e na verdade acontece tudo de ruim pois é muita criança que acha que é bonito ser malandro se drogando e arrumando briga
    As meninas mas velha tem 17 16 e já usam de tudo você não vê Conselho tutelar não vê apoio público não vê nada de bom.
    Acho que pra mudar isso é não deixando o fluxo acontecer, e uma opinião, pegar os menores de idade depois da 00:00 hrs e apreender até os pais ir buscar assim param de deixar filhos jogados em meio às drogas e violência

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.