Caraguatatuba Condições das praias

Caraguá: Poluição nas praias do centro faz turista optar pelas praias do norte da cidade

A poluição crescente das praias centrais de Caraguá, entre elas, a Prainha e o Indaiá, que na temporada de verão por várias vezes estiveram impróprias para banho, está fazendo os turistas frequentarem as praias do norte da cidade, com melhor balneabilidade.

A divulgação da balneabilidade das praias cada vez maior por parte dos meios de comunicação e os riscos de se frequentar praias impróprias para banho, por causa da presença de esgoto, tem feito os turistas optarem por nadar em  praias livres de poluição.

O  Indaiá e a Prainha sempre foram consideradas praias ideais para as famílias com crianças e idosos. São praias rasas e mansas, bem atendidas por quiosques, ampla área de estacionamento  e situadas na região central.

A crescente poluição de suas águas, no entanto, tem preocupado os frequentadores. Em 2018, a Prainha esteve imprópria para banho em 32 das 52 semanas do ano. A praia do Indaiá, ficou inadequada para uso em 30 das 52 semanas do ano. Em 2019, a Indaiá está há cinco semanas classificada como imprópria; a Prainha, há três semanas.

Prainha esteve imprópria para banho em 32 das 52 semanas de 2018

Nesta temporada, devido a constante poluição dessas praias, os turistas estão indo em busca de águas despoluídas. Capricórnio, Massaguaçu, Cocanha e Mococa , todas na região norte, estão sendo  as mais procuradas.

Capricórnio, por exemplo, tem tido uma frequência muito grande de banhistas. Nunca a praia teve tanta gente como está tendo atualmente. O Capricórnio fica a três quilômetros do centro de Caraguá.

Capricórnio recebe acada vez mais turistas

É uma praia de tombo, um pouco perigosa para o banho de pessoas que não sabem nadar. No verão, no entanto, o mar fica mais calmo, possibilitando o banho de mar até para as crianças.

A praia de Massaguaçu também é de tombo. Antes, era muito frequentada por pescadores. Com a nova urbanização da orla e da instalação de quiosques, a praia recebe cada vez mais banhistas.

Massaguaçu e Capricórnio são consideradas as praias de melhor balneabilidade de Caraguá. Em 2018, não foram nenhuma vez classificadas como impróprias para banho pela Cetesb(Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). Na praia de Massaguaçu, o turista deve evitar o banho onde desaguá o Rio Gracuí, devido a presença de esgoto lançado pelas moradias construídas as margens do rio.

A Cocanha também muito frequentada na atual temporada esteve 16 semanas como imprópria em 2018. A Mococa também muito procurada pelos turistas no verão esteve inadequada para banho durante dez semanas no ano passado.

Cocanha e Mococa são praias calmas, ideais para o banho de crianças e idosos. A Cocanha possui vários quiosques e atrativos como passeios de caiaques e stand up.

A Mococa tem um número reduzido de quiosques, que estão instalados no canto esquerdo da praia. Tem área para voleibol , amplo espaço para estacionamento e serviços de aluguel de caiaques e stand up.

Muita gente também procura a Mococa por causa da areia monazítica, uma areia escura, ideal para tratar artrites e artroses.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: