Cidades Ilhabela

Covid: Atraso na licitação impede prefeitura de fornecer cestas básicas aos funcionários do comércio

A Prefeitura de Ilhabela ainda não liberou as cestas básicas aos funcionários dos estabelecimentos comerciais da Ilha, que integra o pacote de ajuda emergencial que a prefeita Gracinha Ferreira se comprometeu a dar aos empresários da cidade, devido a pandemia do novo coronavírus.

Segundo a prefeitura, as cestas básicas ainda foram liberadas devido a problemas nas licitações destinadas à aquisição dos mantimentos. Segundo informações extraoficiais, um advogado contratado por partidos de oposição teria “barrado” cinco licitações na justiça.

A prefeitura informou que a ajuda emergencial no valor de R$ 1.045,00 já teria sido repassado aos comerciantes que se cadastraram na prefeitura. A informação é de que 152 pedidos foram liberados, outros 55 aguardam aprovação e 64 teriam sido negados por vários motivos.

 

Ajuda

A prefeitura já repassou recursos para cerca de 7 mil famílias através do programa Ilhabela Unida Pelo Trabalhador. A prefeitura liberou cartões (no valor de R$ 1 045,00) e Auxílio Aluguel Emergencial (R$960,00) para pessoas vítimas da crise econômica provocada pela pandemia.

Por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Turismo, em parceria com o Banco do Povo, também liberou nesse início de ano de pandemia um total de R$ 1.556.450,00 de empréstimos aos pequenos empresários e microempreendedores, com juros bem abaixo dos praticados no mercado.

 

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: