Caraguatatuba Cidades

Motoristas reclamam das péssimas condições do trecho da Rio-Santos entre São Sebastião e Caraguatatuba

Quem trafega pela rodovia Rio-Santos (SP 055) no trecho entre os municípios de São Sebastião e Caraguatatuba sofre há anos com a ausência de obras efetivas de conservação. Os motoristas e os passageiros que passam diariamente pelo local temem pela própria vida devido aos buracos, ondulações, desníveis, falta de sinalização, defensas metálicas laterais, retornos, passarelas, entre outras ações necessárias para o conforto e segurança dos usuários.

O motorista Rinaldo Blumer conta que é usuário desse trecho praticamente todos os dias e que o asfalto está muito ruim. “No bairro da Enseada, em São Sebastião, o descaso é enorme, parece que o local foi esquecido da face da terra, tem trechos que o asfalto está deteriorado e que vai começar a abrir valas, se nada for feito. Eu viajo para várias cidades, que são bem menores que as da nossa região e vejo o cuidado com as rodovias, o que não acontece por aqui, sendo que são cidades com um orçamento e arrecadação de impostos altos”, reclama.
Além disso, Rinaldo questiona o fato da rodovia se tornar lenta devido às lombadas e faixas de pedestres. “Quando chega no bairro do Arrastão, um semáforo trava o trânsito em ambos os sentidos. “O pedestre tem o direito de atravessar, mas o intervalo de tempo entre verde e vermelho deveria ser maior, pois o pedestre pode esperar uns minutos, o que faria o trânsito fluir melhor”, sugere.

Roberto Andrade, que trafega todos os dias na rodovia considera o estado da pista péssimo. “Quando estavam construindo os Contornos os caminhões acabaram com a rodovia e agora não temos a obra do Contorno finalizada e a rodovia está deteriorada. No bairro da Topolândia a obra está apodrecendo e as ferragens sendo roubadas e ninguém faz nada!”, lamenta.

Ao dirigir num dia de chuva pela Rio-Santos, José da Silva Melo, levou um susto quando o carro caiu em um buraco enorme o que danificou dois pneus do lado esquerdo. “Graças a Deus não aconteceu nada grave comigo, mas o custo com os pneus ficou em mais de R$ 800,00, além de ter danificado os amortecedores, que ainda não tive condições de arrumar, pois deve ficar mais de R$ 1.500,” estima.

DER

A reportagem do Tamoios News entrou em contato com o DER (Departamento de Estradas de Rodagem) com uma série de questionamentos sobre o assunto e o órgão apenas informou que vai realizar uma nova vistoria na SP 055 e que os técnicos também irão programar ainda este mês (janeiro de 2021) serviços de conservação e manutenção da pista.

Caraguatatuba

A Prefeitura de Caraguatatuba informou que desde 2017 encaminhou nove ofícios ao Governo do Estado (governadores Geraldo Alckmin, Márcio França e João Dória) pedindo ações emergenciais (recapeamento entre os kms 102,3 e 112,6) na SP-55 entre os municípios de Caraguatatuba e São Sebastião e que também já solicitou ao Estado a municipalização da SP-55 para que possa assumir o trecho em questão, mas ainda não teve parecer da Secretaria de Logística e Transportes. A cidade já possui até lei autorizativa aprovada na Câmara para propor investimentos no trecho, caso o Estado aceite a municipalização.

São Sebastião 

A prefeitura de São Sebastião foi questionada sobre pedidos de reparos na Rio-Santos, mas até o fechamento da matéria não respondeu.