Cidades Ilhabela

Resultado da Operação Conexus deflagrada em Ilhabela permanece em sigilo

Polícia Civil esteve no Paço Municipal

Permanece em sigilo, o resultado da operação “Conexus,” deflagrada na manhã de sexta-feira(14), pela Polícia Civil de Ilhabela na prefeitura da cidade.  A operação apura denúncia de suposta fraude em licitações ocorridas nas secretarias de Saúde e Obras e associação criminosa.

Os agentes da polícia civil, sob o comando do delegado José Vinciprova, estiveram nas duas secretarias, no paço municipal, no Hospital Mário Covas e no Centro de Referência da Mulher. Os agentes cumpriram mandados de busca e apreensão expedidas pelo juízo local. A ação teria sido motivada por denúncias supostamente envolvendo servidores, empresários e agentes políticos.

Não foi informado se a operação apura possíveis gastos relacionados as ações de combate a covid-19 pela prefeitura ou se refere as licitações feitas anteriores a pandemia.

A polícia civil informa as investigações estão sendo mantidas em sigilo conforme determinação da justiça local. A prefeitura divulgou  uma nota oficial sobre a ação policial às 20h40 de ontem.

A Prefeitura de Ilhabela informa que, com relação a presença da Polícia Civil, no Paço Municipal, na manhã de sexta-feira (14), reitera o compromisso com a transparência na condução dos atos, bem como respeito no trato com os recursos públicos.

Informa também, que está colaborando com todo o processo de investigação sobre as denúncias em processos administrativos. Caso seja constatada alguma irregularidade os agentes públicos envolvidos serão punidos na forma da lei.

 

f