Ilhabela Notícias

Comerciantes são surpreendidos por demarcações na Vila

Foto:Divulgação. Comerciantes solicitam reunião para discutir sobre o assunto

Os comerciantes já foram notificados e o descumprimento irá gerar multa de R$ 1000 mil e apreensão

 

Por Ivânio de Abreu

Os comerciantes do município de Ilhabela foram surpreendidos, com a demarcação de espaços para a colocação de mesas e cadeiras dos estabelecimentos comerciais na Vila, na manhã dessa segunda-feira (15). De acordo com o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ilhabela, Wilson Santos, “não houve qualquer comunicado ou discussão a respeito”.

De acordo com Santos, diversos empresários, assim como a Associação Comercial, não questionam o ato em si, mas sim a forma como foi feita. Sem discussão prévia e em plena Temporada, momento em que, é de conhecimento geral, os comerciantes têm aumento no faturamento. “Garantindo assim, uma maior geração de empregos no município”, diz o presidente.

visando à segurança de cadeirantes, crianças, idosos e demais pedestres, limitou o número de mesas e cadeiras do comércio nas calçadas na Vila

Santos ressalta que há a cobrança sobre o número de mesas e cadeiras nas calçadas e estes empresários estão hoje sem saber como proceder. “Destacamos ainda que esta Associação é contra qualquer tipo de abuso”. Os comerciantes solicitam uma reunião com o Poder Executivo para discutir a questão e esclarecer duvidas e impactos que o fato possa gerar, com as partes envolvidas.

Orlando Dias, 73 anos, e que possui estabelecimento há 15 anos na Vila, diz não ser contra a Administração, mas considera a situação como uma “imposição” aos comerciantes. “Simplesmente foram e demarcaram. É uma situação imposta, não foi conversada sobre o assunto antes”, relata.

Ele ressalta que houve abusos por parte de alguns comércios, “ao ponto de um cadeirante querer passar na calçada e não conseguir. O correto seria ambas as partes interessadas conversar, para  que os comerciantes possam se adequar”.

O morador de Ilhabela Tiago Fernandes dos Santos Vieira, 28 anos, acredita que a determinação de espaço ajuda na circulação.”não tem como ficar andando pela Vila em dias lotados. Faz cada um ocupar seu espaço adequado”.

Para Marcos Rufino, 26 anos, morador de São Paulo, e que frequenta o arquipélago, “a determinação de espaço para cadeiras e mesas é boa, desde que seja algo atrativo para os turistas que queiram ficar do lado de fora do estabelecimento e respeite os limites , tendo espaço suficiente para passagem de pedestres”, relata.

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Administração e divisão de Fiscalização, informa que visando à segurança de cadeirantes, crianças, idosos e demais pedestres, limitou o número de mesas e cadeiras do comércio nas calçadas na Vila – Centro Histórico e demarcou o espaço a ser utilizado. Os comerciantes já foram notificados e o descumprimento irá gerar multa de R$ 1000 mil e apreensão.

Por determinação da Prefeitura espaços foram demarcados para a colocação de mesas e cadeiras

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.