Dengue Litoral Norte

Ubatuba: Cidade já registra 176 casos de dengue

A Vigilância em Saúde de Ubatuba recebeu nesta semana a confirmação de que o subtipo 2 do vírus da dengue é o que está circulando no município, provocando um aumento expressivo do número de casos da doença em 2019.

Caraguatatuba continua liderando o número de casos da doença na região: 660 casos. São Sebastião tem cerca de 160 casos e Ilhabela, 67.

Em 2018, durante o ano inteiro, foram registrados apenas 15 casos de dengue em Ubatuba. Já em 2019, há um total de 176 casos confirmados – dos quais 171 autóctones e 5 importados – e outros 708 casos suspeitos aguardando resultado de exame, segundo o Boletim Epidemiológico divulgado na manhã desta quinta(25).

Em anos anteriores, a maior parte dos casos de dengue em Ubatuba eram dos tipos 1, 3 e 4 do vírus. “Como o sorotipo 2 teve pouca circulação, isso significa que há uma quantidade maior de pessoas suscetíveis à doença e por isso o grande número de notificações”, explica Patricia Sanches, supervisora da Vigilância em Saúde.

A proliferação do vírus ocorre pela picada do mosquito Aedes aegypti. Por isso, a Prefeitura de Ubatuba lembra que a melhor prevenção é a eliminação de criadouros do mosquito. O uso de repelentes também é recomendado e, em caso de suspeita de dengue, o paciente deve ingerir muita água.

Em caso de aparecimento de sintomas como febre alta (39ºC a 40ºC) de início repentino, dores musculares, nas juntas ou atrás dos olhos, dor de cabeça, prostração, vermelhidão no corpo e coceira, é recomendado buscar imediatamente atendimento médico.

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: