Esportes Ubatuba

Treino e dieta: fisiculturista de Ubatuba tem rotina intensa

Foto: Raell Nunes

Exercícios físicos e alimentação fora do comum fazem parte da vida do atleta

 

Por Raell Nunes

Ser fisiculturista não é uma tarefa fácil. Requer muito empenho, dedicação e alta disciplina. É na hora dos treinos e na dieta que se entende o significado da frase ‘no pain no gain’ (sem dor sem ganho). A busca do corpo perfeito, com o mínimo de gordura, hipertrofia e definição acompanha uma rotina de sacrifícios.

Marquinhos Meirelles, atleta de Ubatuba, sabe bem como é o martírio de não comer “besteiras”, como chocolate e fast food, e se exercitar todos os dias de uma forma acentuada. O fisiculturista ubatubense pretende competir nos próximos meses e está se preparando para obter um bom resultado.

A preparação de Meirelles conta com um jejum de 24 horas, duas ou três refeições ao dia, exercícios aeróbicos, musculação pesada, suplementação alimentar e conciliação de tudo isso com a família – sua esposa está grávida – e o trabalho.

“Minha dieta sou eu mesmo que faço. Tento manter um jejum de 24 horas para dar uma secada boa. Treino do meio dia às 2h, tento manter um cardio pela manhã, às vezes eu pulo corda ou faço uma caminhada”, comenta.

O atleta já estudou tanto durante seus quatro anos treinando para competição e nove anos de musculação que quando se olha no espelho sabe o que precisa comer, suplementar e treinar. “Fruta raramente eu como, porque para mim, o carboidrato da fruta, sinto que retém líquido”, revela sua análise.

A rotina alimentar de Meirelles tem meio abacate, 50 gramas de aveia, palatinose, canela em pó e proteína na parte inicial do dia. No decorrer, se come seis ovos, sendo dois inteiros com gema e os outros quatro apenas com a clara. Detalhe: ele toma de 6 a 8 litros de água por dia.

Mesmo fazendo sacrifícios para ter o corpo perfeito, Meirelles sente prazer em ser um fisiculturista

“Às vezes, eu como um pouco de carne moída, ou frango desfiado. Às vezes, eu sinto que preciso de gordura e sinto que não vai me atrapalhar, eu como ovos, com queijo e bacon”, acrescenta.

A suplementação alimentar também é fundamental na busca por um shape para competições. Meirelles tem o hábito de ingerir whey protein, palatinose, BCAA, creatina (média de 20 gramas por dia), glutamina, multivitaminico, para melhorar mais ainda a questão de micronutrientes e, uma vez ou outra, utiliza o termogênico.

Ele tem o apoio de uma loja de suplementos alimentares, a LN Performance, na qual trabalha em vendas. Para manter a forma, também recebe o patrocínio da academia Spazio. Em época de competição, ambos apoiadores do esporte financiam passagem, tinta corporal e taxa de inscrição.

“Vou manter o que estou fazendo para tentar conseguir o melhor resultado. Olhando hoje no espelho, vejo que estou bem adiantado. Então, eu acho que posso levar um campeonato”, conclui.

Meirelles competindo, ficou em 2° lugar na categoria Mens Physique

 

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: