Informe Publicitário

Dicas para rebocar a parede de modo prático e rápido

Rebocar a parede de modo prático e rápido é o desejo de muitas pessoas que colocam a mão na massa. Porém, algumas dúvidas aparecem a partir do momento é iniciado. Essas indecisões, tornam o trabalho mais complicado e demorado. Influenciando até mesmo nos gastos, que podem aumentar caso haja erro no planejamento.

Então, como fazer um revestir adequadamente as áreas? Há técnicas para executar a obra de maneira simplificada? 

Acabe com essa insegurança agora mesmo! Aprenda as melhores dicas para rebocar a parede de modo prático e rápido. E entenda qual é a principal finalidade do reboco na construção civil.

Por que se deve rebocar a parede?

Em qualquer trabalho de construção civil, os profissionais indicam o tipo de camada adequada conforme a proposta da obra. Isto é, a parede pode ser lisa ou com revestimento. O tipo de reboco é definido para acomodar o acabamento que irá compor a área. Mas, quais são as etapas para rebocar apontadas pelos pedreiros e demais profissionais? 

  • Chapisco;
  • Emboço;
  • Reboco.

Rebocar uma parede é o mesmo que revesti-la com camadas de argamassa (mistura de areia, cal, cimento e água). As camadas podem apresentar variadas espessuras e características.

O acabamento contribui com valor estético e responsabilidade estrutural da obra. Este último se mostra fundamental, uma vez que o reboco bem finalizado pode evitar rachaduras e infiltrações. Cumprir a tarefa de modo prático, rápido e qualitativo faz toda diferença no desfecho da construção.

Chapisco 

A primeira camada implementada diretamente na parede de tijolos é o chapisco. Ela é responsável pela aderência da próxima camada de argamassa: o emboço. Totalmente indispensável para impedir que a massa solte facilmente da alvenaria.

Sua espessura geralmente possui de 5 a 7mm. Os materiais necessários para o chapisco são: ⅓ de cimento e areia média; colher de pedreiro.

Emboço

O emboço é essencial para rebocar a parede, afinal, ele corrige as falhas na superfície após o chapisco. Esta segunda camada de concreto é composta com espessura de 2 cm aproximadamente. 

Para iniciar o emboço, aconselha-se aguardar 1 dia após a execução do chapisco. Neste momento, os tipos de material para emboço podem variar dependendo do ambiente.

Área externa – 1:2:6 (cimento – cal hidratada – areia média) 

Área interna – 1:2:8 (cimento – cal hidratada – areia média)

Como rebocar a parede?

1 – Invista em materiais de qualidade

Entre as principais reclamações sobre o acabamento, muitos profissionais se queixam da escolha dos materiais. Ou seja, investir em materiais de qualidade é essencial para uma parede mais resistente e lisa. Um cimento de marca confiável, por exemplo, faz toda diferença na construção.

2 – Atente-se a quantidade ideal para o traço do concreto

Para preparar a massa, recomenda-se analisar o local, já que áreas internas e externas “pedem” quantidades diferentes de material. Acompanhe as orientações sugeridas comumente para calcular o traço do concreto. (Medidas de uma lata de 18L)

Área interna: 

  • 3 latas de areia;
  • 2 latas de cal;
  • 1 lata de cimento;
  • Água para dar volume/consistência à mistura.

Área externa:

  • 2 latas de areia;
  • 2 latas de cal;
  • 1 de cimento;
  • Água para dar volume/consistência à mistura.

Contudo, lembre-se que o traço do concreto pode variar. Por isso, depende muito da percepção do pedreiro ou engenheiro.

3 – Prepare a massa do reboco

Reserve um espaço no local da construção (canteiro de obras) para fazer o reboco. Utilize uma pá de bico com cabo para misturar os materiais da massa.

Una os materiais (areia, cal e cimento) e misture até criar uma espécie de farofa. Em seguida, basta colocar algumas porções de água até formar a massa uniforme, homogênea.

4 – Instale as mestras

O modo mais prático e rápido para rebocar a parede corretamente, de acordo com o nível, se dá pela instalação das mestras.

As peças devem ser parafusadas nas paredes desde o piso até o teto, para indicar a espessura de massa. Na hora de prendê-las, lembre-se que a espessura ideal para ambientes internos é de 1,5cm, e em ambientes externos, 2 cm. Não deixe de utilizar o prumo para executar o nivelamento corretamente. Você também pode usar um nível laser para ajudar nessa tarefa, o site portal da construção fez um artigo com os melhores.

5 – Inicie a aplicação do reboco

Para começar o processo do reboco, use uma colher de pedreiro junto com a desempenadeira. Inicie a aplicação ao redor das mestras presas à parede para seguir a compactação padrão nas áreas.

Aguarde no mínimo 1 hora antes de puxar a massa, permitindo que a massa perca um pouco da sua umidade.

 6 – Trace o acabamento: sarrafeamento e nivelamento

A fim de traçar o acabamento, se deve utilizar uma régua de alumínio de 2,5 m. Iniciando o movimento alinhado de baixo para cima, observando o posicionamento das mestras para aprumar.

Logo após, use a desempenadeira em movimentos circulares para remover os excessos de massa deixados pela régua. Mantenha a superfície lisa uniformemente.

error: Alerta: Conteúdo protegido!