Gastronomia Litoral Norte

Feiras orgânicas – uma opção no Litoral Norte

Plantação da Rede Brotar

As cidades do Litoral Norte de São Paulo estão se movimentando no que diz respeito a feiras de produtos orgânicos. Já existem locais com agenda fixa ao longo do mês, eventos itinerantes e outros produtores que entregam cestas ou produtos em domicilio. Os pequenos produtores e consumidores se uniram devido a maior conscientização quanto a importância de uma alimentação saudável, sem o uso de agrotóxicos e também pelo fato do Brasil ter 14% da população vegetariana, o que representa quase 30 milhões de brasileiros, sem contar os veganos, pois ainda não existem dados oficiais sobre o veganismo, que ganha cada vez mais adeptos.

Caraguatatuba

 Em Caraguatatuba não conseguimos confirmar a existência dessas feiras. A prefeitura informou que não existem locais que funcionem periodicamente, mas que a cidade conta com a agricultura familiar, que faz exposições e vendas durante eventos como o Festival do Camarão, Festival da Tainha, entre outros.

São Sebastião e Ilhabela

As cidades de São Sebastião e Ilhabela estão mais adiantadas nessa questão. A Rede Brotar começou em 2017 ao juntar uns amigos que queriam consumir orgânicos. “Nós começamos a organizar as compras para incluir mais pessoas. Hoje somos em 100 associados nos bairros de Boracéia, Cambury, Boiçucanga, Juquehy, Baleia, Maresias (em São Sebastião) e Ilhabela. Os pontos de apoio são parceiros e toda mão de obra na administração das entregas são voluntários”, explica Ingrid Reis, mantenedora da Rede Brotar, que tem parceria com a Aproa (Associação dos Agricultores Orgânicos de Jacareí).

Cesta quinzenal da Rede Brotar

“Trabalhamos com grupos de consumo, pelas quais as pessoas pagam uma mensalidade e recebem a cada 15 dias uma cesta com folhas, frutas, legumes e temperos’, explica Luan Harder, coordenador das áreas da Rede. Segundo ele as feiras foram reduzidas porque estragavam muitos alimentos, embora elas ainda são realizadas. A Rede Brotar também auxilia na implantação de hortas comunitárias e realiza serviços para a sustentabilidade, como o saneamento ecológico, energia solar e a captação das águas da chuva’, explica.

O Club Mercado Verde organiza feiras e disponibiliza o site com os produtos orgânicos. “Nós estamos uma vez por semana no Shopping Ardhentia, em Ilhabela, fazemos as vendas e entregas online, por meio das redes sociais e site. Organizamos feiras em eventos e em breve estaremos nos bairros, nas ruas”, explica Camila Lopes Seixas, uma das idealizadoras do Club Mercado Verde. ”No site nós divulgamos os produtores e seus produtos, para dessa forma os consumidores terem contatos com produtores locais do litoral norte”, conta Camila.

Club Mercado Verde

Já o Garimpo é uma outra feira que reúne pequenos produtores e empreendedores de Ilhabela e São Sebastião. “A ideia é valorizarmos a produção artesanal, fomentarmos a cultura e a economia criativa e a possibilidade de aproximar produtor e cliente, personalizando o produto e fazendo com que as pessoas (cliente/ consumidor) conheçam a história e parte do processo de produção”, explica Juliana Costandrade, organizadora/coordenadora do Garimpo. “Em nossas edições temos queijo de cabra, pães com fermentação natural, bolos integrais, geleias, antepastos, creme de avelã vegano, entre outros produtos”, enumera.

Garimpo – Feira

Ainda sobre a mesma temática tem o Movimento Sustenta, idealizado e desenvolvido pela publicitária Cris Heimpel, já teve 8 edições e funciona como um movimento colaborativo, de economias circular e compartilhada em formato de feira livre, que movimenta os produtores locais, produtores orgânicos, artesãos, músicos e artistas.

Ubatuba

Em Ubatuba, as feiras orgânicas também são destaques e segundo Silvia Moreira Rojo Veja, pesquisadora científica da Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento de Ubatuba. O número de consumidores tem aumentado nos últimos anos. “Sou consumidora e trabalho com agroecologia e comércio justo e solidário. Para mim, as feiras permitem a democratização do alimento orgânico e dos recursos financeiros”, conta Silvia.

SERVIÇO

Club Mercado Verde – www.clubmercadoverde.com.br

Feira de produtos orgânicos no Shopping Ardenthia Ilhabela

Toda quinta-feira, das 9h às 18h.

Rede Brotar – insta @redebrotar

Dia 25/09

São Sebastião:  Maresias – Açaizeiro  das 10h às 14h – Boiçucanga – Ponto Natureba  das 10h às 14h

Ilhabela – Itaquanduba – Refugio Momiji  das 10h às 14h

28/09

Feira de Orgânicos – Festival Natural da Primavera – 2ª edição – São Sebastião – Boracéia

Festival Sustenta  (gratuito) – www.festivalsustenta.com.br

Ilhabela – Fazenda Engenho D’Água  – 12 de outubro (sábado) das 9h às 22h e 13 de outubro (domingo) das 8h às 19h

Garimpo – insta @garimpo_ilhabela

05 de outubro – das 13h às 20h

16 de novembro – das 13h às 20h

07 de dezembro – das 13h às 20h

Todos na Praça da Mangueira –  Bairro Perequê – Ilhabela

Feira Municipal Agroecológica

Espaço Saudável

Toda quarta das 8h às 12h

Praça Nóbrega – Centro – Ubatuba

Feira do Coletivo

Rede Agroecológica Caiçara

Toda quarta das 8h30 às 13h – Ilha dos Pescadores – Centro – Ubatuba

Feira Agroecológica do Mangarito

Toda segunda das 18h às 22h

Rua Tamoios, 80 – Bairro Itaguá – Ubatuba

 

 

 

 

 

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: