Caraguatatuba Cidades

Prefeitura de Paraty cria linha de crédito com juro zero para ajudar comerciantes

 

A Prefeitura de Paraty lançou o programa Recomeçar, criado pelo Executivo para oferecer crédito fácil para os pequenos e microempreendedores da área de comércio e de turismo. O projeto foi aprovado ontem, em regime de urgência, pela Câmara.

 

O Recomeçar vai oferecer linhas de crédito de até R$ 4.000 para os microempreendedores individuais (MEIs) e de até R$ 20 mil para as microempresas, com juro zero, carência de oito meses para pagar e parcelamento em até 40 vezes.

 

A Prefeitura vai destinar R$ 10.289.982,31 ao Recomeçar, em recursos próprios do município, oriundos do superávit financeiro de 2019. A Prefeitura procederá agora ao chamamento público da instituição financeira que irá operar o programa em conjunto com o Executivo.

 

Em seguida, será disponibilizado o site para que os empreendedores interessados no crédito fácil possam solicitar o empréstimo. O Recomeçar integra a terceira etapa das medidas de apoio à população paratiense adotadas pela Prefeitura de Paraty para o enfrentamento da pandemia de Covid-19. O primeiro passo foi o reforço na estrutura de saúde e o segundo, a rede de segurança alimentar criada pela Prefeitura.

 

Retomada

Prefeitura reunida com empresários do setor de turismo

Representantes das Secretarias Municipais de Turismo, Finanças, Cultura e Saúde apresentaram na terça-feira(23) o planejamento para a retomada gradual do turismo em Paraty, dentro da possibilidade de o município avançar para a bandeira azul. O critério de avaliação da covid no Rio de Janeiro é diferente de São Paulo.

 

Durante o encontro, a Prefeitura explicou quais serão as exigências gerais de prevenção à Covid-19 para o retorno gradual do turismo e pediu sugestões dos setores, que serão encaminhadas até sexta-feira(26), para que estes protocolos sejam concluídos.

 

O médico infectologista Ricardo D’Ávila alertou os presentes que a cidade precisa reforçar as medidas de prevenção para que não tenhamos um aumento da incidência de casos que coloque em xeque a capacidade de resposta do sistema de saúde.

 

O secretário de Finanças, Leônidas Santana, explicou que a barreira sanitária na entrada da cidade vai continuar e que será instituído o programa “Passaporte Azul”, documento que permitirá à fiscalização o controle da taxa de ocupação máxima de 50% nos meios de hospedagem.

 

Para ter direito ao passaporte, os turistas terão que fazer pré-reserva nos meios de hospedagem, restaurantes e agências de passeios turísticos e preencher um termo de responsabilidade se comprometendo a seguir as medidas de prevenção à Covid-19 em vigor no município.

 

A secretária de Turismo, Nena Gama, explicou que, além do passaporte, a Prefeitura vai instituir o selo “Ambiente Seguro”, que será conferido pela fiscalização aos estabelecimentos que cumprirem rigorosamente os procedimentos de prevenção à Covid-19.

 

Covid

 

Paraty registra 212 casos confirmados de covid e tem outros 422 em investigação. Nove pessoas já morreram pela doença no município e outras 191 se recuperam da doença.