Cidades Notícias Ubatuba

Em Ubatuba, mais quatro mortes por covid-19 foram confirmadas nos últimos sete dias

O município de Ubatuba (SP) confirmou mais 120 casos e 4 óbitos por covid-19 entre 19 e 26 de novembro.

Na sexta-feira passada (20), a prefeitura de Ubatuba confirmou mais dois óbitos por covid-19. Ambos eram do sexo masculino e faziam parte do grupo de risco, sendo um morador da região sul com mais de 60 anos e o outro morador da região central, com idade entre 50 e 59 anos.

Na terça-feira (24), a prefeitura comunicou mais um óbito por covid-19 no município. O paciente do sexo masculino, era morador da região central, também fazia parte do grupo de risco e tinha idade entre 50 e 59 anos. 

Na quarta-feira (25), a prefeitura divulgou a confirmação de mais um óbito, de uma paciente do sexo feminino, moradora da região central e com mais de 60 anos.

Até o boletim divulgado na quinta-feira (26), Ubatuba registra 2.111 casos confirmados e 44 óbitos. Dezenove pessoas com covid-19 estão internadas, sendo 5 na Santa Casa e 14 em UTIs de outros municípios. Até essa data, 2.053 pessoas se recuperaram da doença no município.

Testagens rápidas gratuitas

A secretaria de Saúde da Prefeitura de Ubatuba está realizando o chamado “inquérito sorológico” da Covid-19.

No próximo sábado, 28 de novembro, das 8h às 16h, por ordem de chegada, estão programadas testagens rápidas gratuitas para profissionais de saúde da rede privada; funcionários e vereadores da Câmara Municipal de Ubatuba; equipe, coordenadores, jovens da Guarda-Mirim; funcionários da Elektro e funcionários da Sabesp.

O local para realização do exame é a Unidade de Apoio ao Diagnóstico de Síndrome Gripal, na Avenida Dona Maria Alves, 1196, Centro. O telefone é 12-38331004.

Para a testagem, é necessária a aprensentação de documento com foto e comprovante de vínculo funcional (por exemplo: hollerith, credencial, crachá).

Os profissionais com sintomas gripais não devem comparecer para a testagem, pois não poderão realizar os exames. Nestes casos, os mesmos deverão procurar atendimento médico imediato.