Agricultura São Sebastião

Secretaria de Agricultura ensina produtores do Litoral Norte a prepararem receitas apenas com alimentos orgânicos

O consumo de alimentos orgânicos tem crescido no Brasil e em todo o mundo. Dados do Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável (Organis) mostram que o mercado de orgânicos faturou R$ 4 bilhões em 2018 no Brasil, resultado 20% superior ao registrado em 2017. O País é apontado como líder deste mercado na América Latina, mesmo ocupando a terceira produção, quando levado em consideração sua extensão de terra destinada a esse tipo de agricultura.

Pensando em atender a esse mercado de consumidores e agregar renda aos pequenos produtores artesanais, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo ministra nesta sexta(4), em São Sebastião,  o curso “Conversão para a culinária orgânica”, em que ensina o preparo de receitas utilizando apenas alimentos orgânicos.

O curso é organizado pela Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento (UPD) de Ubatuba, da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), e é uma atividade do Ciclo de Capacitação oferecido pela UPD aos produtores artesanais da região.

Segundo Silvia Moreira Rojo Vega, pesquisadora da APTA, a ideia do curso é mostrar para os produtores o que deve ser mudado nas receitas para produzir pratos totalmente orgânicos. “Quando se faz uma receita apenas com produtos orgânicos, é preciso fazer algumas mudanças, para que as receitas deem certo. É necessário se levar em conta, por exemplo, o glúten do alimento usado, a textura e todas as suas características chamadas de organolépticas. Neste curso queremos explicar o “pulo do gato” para o produtor. Dar aquelas dicas fundamentais para que as receitas fiquem gostosas e com a textura que estamos acostumados”, explica Silvia.

Durante o curso, a pesquisadora da APTA ensinará quatro receitas aos produtores: bolo de fubá, torta de banana seca, torta de ora-pro-nóbis e pão recheado de carne de jaca (jaca desfiada que lembra carne de frango). As receitas, segundo Silvia, foram pensadas levando-se em conta produtos bastante produzidos pelos agricultores da região: banana, jaca e ora-pró-nobis.

“A produção agropecuária do Litoral Norte paulista é feita por pequenos produtores artesanais e que costumam vender seus produtos em feiras livres. A ideia é que o excedente dessa produção seja usado para produzir receitas, que podem ser vendidas também neste ambiente, com maior valor agregado. Além disso, o produtor também pode fazer essas preparações para alimentação da sua família, contribuindo para os bons hábitos alimentares”, afirma a pesquisadora da APTA.

Além das aulas práticas, o curso conta com aulas teóricas, em que serão repassadas informações a respeito das mudanças sofridas pela agricultura ao longo dos anos e o movimento que busca uma alimentação mais saudável. O curso foi construído a partir da demanda dos próprios produtores locais. As 15 vagas oferecidas foram preenchidas em apenas dois dias de inscrição.

Cursos de capacitação

Desde 2010, a APTA realiza ciclos de capacitação para os produtores de Ubatuba e região. Os cursos foram pensados a partir da demanda dos próprios agricultores. O primeiro ciclo tratou sobre a produção de hortaliças, em que foi abordado o sistema de produção e o seu custo da produção orgânica. “Neste ciclo, estamos realizando cursos voltados a comercialização em feiras livres, envolvendo construção de stands de feira de bambu, conversão para culinária orgânica e boas práticas na produção de alimentos, realizado em parceria com a Escola Técnica Paula Souza (Etec)”, conta Silvia.

Receita de torta de banana seca

Ingredientes

1 quilo de bananas nanicas orgânicas maduras cortadas em fatias longitudinais

300 gramas de farinha de trigo orgânica

300 gramas de açúcar cristal orgânicos para receita e 100 gramas de açúcar cristal orgânico para caramelizar

100 gramas de manteiga picada

Canela em pó a gosto

6 claras em neve de ovos orgânicos ou caipiras batidos com 3 colheres de açúcar cristal orgânicos

Modo de preparo

Em uma tigela misture a farinha o açúcar e a canela em pó e reserve.

Na batedeira bata as claras em neve com açúcar e reserve.

Corte as bananas e reserve.

Em uma assadeira caramelizada com açúcar, distribua camadas de banana, farinha e pelotinhas de manteiga uniformemente até finalizar os ingredientes. Por fim, cubra com as claras em neve e asse em forno médio até dourar.

Serviço

Conversão para a culinária orgânica

Data: 04/10/2019

Horário: até às 16h30

Local: CSA – Comunidade que Sustenta a Agricultura

Endereço: Litoral Norte Rua do Arpoador 57, Praia das Cigarras, São Sebastião

Sobre a APTA

A Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, tem a missão de coordenar e gerenciar as atividades de ciência e tecnologia voltadas para o agronegócio. Sua estrutura compreende o Instituto Agronômico (IAC), Instituto Biológico (IB), Instituto de Economia Agrícola (IEA), Instituto de Pesca (IP), Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL) e Instituto de Zootecnia (IZ), além dos 11 Polos Regionais distribuídos estrategicamente no Estado de São Paulo.Balanço Social realizado pela Agência no biênio 2016/2017 mostrou que a cada real investido, a APTA retornou R$ 12,20 para a sociedade. As 48 tecnologias analisadas e adotas pelo setor produtivo tiveram R$ 10,9 bilhões de impacto econômico no período. Isso significa mais produtividade no campo, sustentabilidade da produção, renda para o produtor rural e alimentos de qualidade para a população.